Rede aleluia

Notícias | 15 de outubro de 2017 - 03:00


666: veja o que você precisa saber sobre esse número

Entenda o que está por trás desse símbolo

Muitas pessoas têm especulado sobre o que seria a marca da besta – ou ainda, o número “666” – descrita em Apocalipse, capítulo 13, do versículo 16 ao 18.

Porém, há um ensinamento muito valioso que pode ser extraído dessa passagem bíblica.

Como observou o bispo Renato Cardoso, durante o encontro “Estudo do Apocalipse”, realizado no Templo de Salomão, no dia 8 de outubro último, no Fim dos Tempos haverá apenas um sistema político-econômico-religioso.

“Vemos que há o líder político, o anticristo, que será apoiado pelo líder religioso, o falso profeta, que levará o mundo a adorar esse líder político, que também utilizará a economia para controlar as pessoas. Essa marca da besta tem tudo a ver com o dinheiro. Ninguém vai poder comprar ou vender sem essa marca. A pessoa não vai ter como comer, pagar aluguel. A pessoa vai ter que viver em um submundo, sobrevivendo com o lixo que ela vai poder colher de outras pessoas e não vai ter acesso a nada da sociedade. Isso se ela escapar da morte, por recusar a marca. Todos estarão dentro desse sistema criado pelo anticristo.”

Essa união do anticristo (também conhecido como “cavaleiro do cavalo branco”, “primeira besta” ou “besta que emerge do mar”) com o falso profeta (também conhecido como “segunda besta” ou “besta que emerge da terra”) será um pacto entre governo e religião. E a dominação desse novo sistema se dará por meio da marca “666”.

Por que “666”?

Sobre o significado desse número, durante o “Estudo do Apocalipse”, realizado também no dia 8 de outubro último, nos Estados Unidos, o bispo Edir Macedo explicou: “Todo o Apocalipse, até aqui, ressalta a principal mensagem de Satanás: o engano. O número ‘666’ simboliza o ápice de suas mentiras: a trindade satânica. Ou seja, o dragão, a besta do mar e a besta da terra. O número ‘666’ procura imitar a Santíssima Trindade. O número, ainda, sugere engano por proximidade e aparência. O ‘6’ é o mais próximo de ‘7’, que é o número da perfeição, o número de Deus. O ‘6’ é próximo de ‘7’, mas não alcança o que é de Deus. O anticristo vem com a aparência de Cristo, mas é anticristo. João quer que os seus leitores se atentem para isso: o anticristo terá toda a aparência de um homem perfeito, bom e poderoso, mas é falso.”

Mais importante do que saber como se dará a implantação dessa marca, é compreender que devemos negar tudo o que é contra a Deus. Pois, quando aceitamos aquilo que não vem do Altíssimo, passamos a ser dominados pelos espíritos malignos.

Reunião “Estudo do Apocalipse”

Todos os domingos, às 18h, você pode aprender mais sobre o Fim dos Tempos por meio da reunião “Estudo do Apocalipse”, que acontece no Templo de Salomão, Av. Celso Garcia, 605, Brás, zona leste de São Paulo. Ou você pode assistir pelo Univer Vídeo.


  • Por Daniel Cruz / Foto: Reprodução wallpaperup 



reportar erro