Rede aleluia
“Nós estamos fazendo macumba para libertar Lula”
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 5 de novembro de 2019 - 13:51


“Nós estamos fazendo macumba para libertar Lula”

13ª edição da caminhada dos terreiros de Pernambuco pede que o ex-presidente seja solto

“Nós estamos fazendo macumba para libertar Lula”

Com o tema “Mexeu com um, mexeu com todos”, a 13ª edição da caminhada dos terreiros de Pernambuco não ficou apenas no campo da religião. O grupo usou do evento para pedir a liberdade do ex-presidente Lula.

Durante a caminhada, os manifestantes gritavam: “Lula livre, Lula livre, Lula livre! Mexeu com um, mexeu com todos. Nós queremos paz, amor, e queremos Lula livre!”

Com a presença do senador Humberto Costa (PT), que teve espaço para fazer um discurso, a mãe de santo, chamada Elza, fez questão de afirmar que estão “fazendo macumba para que o ex-presidente seja solto”:

“Eu tenho esperança. A gente vai tirar o nosso Lula de lá.  Leve esse carinho para ele.  O povo de terreiro ‘tá’ fazendo macumba, ‘tá’ fazendo (…) Eu não posso deixar de me emocionar, porque hoje oxum disse que nós teríamos alegria e ver o senhor é ver Lula na rua.”

Lula está preso desde o dia 7 de abril do ano passado, por sua primeira condenação no caso do tríplex em Guarujá. O ex-presidente cumpre pena de 12 anos e um mês de prisão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

(*) Matéria extraída do programa Brasil Notícias, apresentado pelos jornalistas Ana Carolina Cury e Gilberto Nascimento


reportar erro