A verdadeira liberdade

Por Jeane Vidal / Fotos: cedidas

No mês de agosto último, o grupo Women in Action (Mulheres em Ação) – formado por esposas de pastores da Universal da África do Sul – realizou uma reunião especial para as internas do Centro Correcional Kgosi Mampuru III, localizado em Pretória, capital executiva do país.

O evento, em celebração ao Dia Nacional da Mulher na África do Sul - comemorado no dia 09 de agosto, feriado nacional -, tem sido realizado pelo grupo há 4 anos, desde que iniciou as visitas no local.

Nesse período, vem sendo aplicado para as internas o curso de reabilitação “Nada a Perder”, desenvolvido com base em lições extraídas das experiências do Bispo Edir Macedo, relatadas na trilogia do livro “Nada a Perder”.

O curso foi dividido em três módulos, cada um relacionado a um volume da trilogia do Bispo. O poder de decisão que cada pessoa tem, como enfrentar desafios, aceitar mudanças, lidar com as diferenças e aprender a filtrar relacionamentos com pessoas que tenham o mesmo propósito (a reabilitação social) são alguns dos assuntos abordados.

278 mulheres participaram do evento promovido esse ano, que também teve um lanche especial preparado para elas, distribuição de artigos de higiene, apresentação de música e dança, e a participação do coral de mulheres do presídio.

Na ocasião, também foram entregues os certificados de conclusão do módulo “Nada a Perder 3” para 18 internas que concluíram o curso, as quais puderam compartilhar com as demais as mudanças que alcançaram em suas vidas.

De acordo com Márcia Pires, esposa do bispo Marcelo Pires, responsável pela Universal na África do Sul, depois que essas visitas começaram, houve uma redução do número de presas na instituição.

“O trabalho da Universal vem de encontro ao objetivo da direção da instituição que é levá-las à reabilitação, entendendo o seu erro e assumindo as consequências dele para que, ao terem uma nova chance, possam conduzir a vida de forma digna e conscientes de que nem todos estarão apoiando ou parabenizando. Ao contrário, haverá os que ainda as julgarão, porém, se decidirem aceitar uma segunda chance, dada por Deus, vencerão”, destaca.

Antes do encerramento do evento, Márcia Pires levou todas as internas a refletirem sobre a violência que muitas delas impõem a si mesmas por meio da automutilação e tentativa de suicídio, acreditando que desta forma amenizarão a dor que sentem na alma, quando na verdade estão agravando ainda mais. E destacou a importância de elas se perdoarem e recomeçarem com o Senhor Jesus.

Também participaram do evento o capelão responsável pelo centro correcional, Lethebe Manaka, e a diretora de segurança dos presídios femininos em Pretória, Dusty Rabaloi, que tornou possível o trabalho semanal do grupo “Mulheres em Ação” no presídio.

Para saber mais sobre o trabalho da Universal no Brasil e no mundo, acesse aqui.

ler mais
Reportar erro

comentários

Carregar mais

Comunicar Erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente

Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach e Eliana Caetano

Editora de Conteúdo Web:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Maria do Rosário, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone: (11) 3321-5244

Endereço: Rua dos Missionários, 139, Santo Amaro - São Paulo (SP)

Cep: 04729-000