7 atitudes necessárias para um casamento feliz e duradouro

Por Débora Picelli / Foto: Thinkstock

Recentemente, a rede social do jornal britânico Daily Mail postou um vídeo com uma conversa entre o casal Arthur Theodore Jacobs e Marcia Foz Jacobs, filmada pelo neto, que recebeu milhares de curtidas e compartilhamentos. Ele, com 105 anos, nascido em 19 de agosto de 1912, e ela com 100, nascida em 25 de junho de 1917, comemoraram 80 anos de união e, assim, são considerados um dos casais vivos mais velhos dos Estados Unidos da América (EUA).

Apesar de Arthur ter mais facilidade de falar - já que Márcia consegue dizer apenas “olá” -, o que mais chama atenção é o amor que existe entre os dois e as declarações que ele faz a ela, lembrando da primeira vez que a encontrou - ela tinha 20 anos de idade -, na Universidade de Wisconsin, estado localizado na região norte do país.

Casamento duradouro

Infelizmente, muitas pessoas não conseguem viver um relacionamento duradouro, a exemplo desse casal, simplesmente porque, na primeira briga, ou no primeiro problema, por exemplo, logo pensam em se divorciar. Mas somente isso não basta.

Segundo a palestrante e escritora, Cristiane Cardoso, que ao lado do marido, Renato Cardoso, escreveu uma das obras mais vendidas no País, o best-sellerCasamento Blindado” - e que, mais recentemente, ganhou uma edição revisada, atualizada e ampliada, o “Casamento Blindado 2.0 – O Seu Casamento à Prova de Divórcio” -, enquanto o ser humano não entender que o relacionamento homem e mulher é uma representação do relacionamento dele com Deus, não terá nem um, nem outro.

Em seu blog pessoal, Cristiane listou 7 atitudes necessárias para um casamento feliz e duradouro. São elas:

- Sacrifício: muitas vezes, precisamos sacrificar nossas próprias vontades, a fim de fazer um relacionamento dar certo. O sacrifício não é para benefício de um dos dois, mas da união em si;

- Confiança: um relacionamento não se inicia, nem sobrevive sem ela;

- Respeito: na união, significa reconhecer o espaço e a importância do outro em sua vida e dentro do relacionamento;

- Objetivos em comum: duas pessoas só permanecerão unidas se tiverem o mesmo objetivo de vida;

- Diálogo: a falta dele distancia o casal;

- Atenção: o marido deve dar atenção à sua esposa e vice-versa. Isso significa que, mesmo estando longe do cônjuge, deve-se agir considerando a existência dele e do compromisso entre vocês;

- Intimidade: é muito mais que um momento. Ela começa nos pequenos gestos de cuidado, apreciação, carinho e respeito. Essas pequenas coisas fazem a intimidade fluir de forma natural.

Quer saber outras maneiras para blindar o seu casamento? Clique aqui, adquira o livro e aprenda com o casal Renato e Cristiane Cardoso.

Participe, também, da Terapia do Amor, uma palestra especial voltada aos solteiros, noivos e casados, que buscam a felicidade na vida amorosa. Ela acontece todas as quintas-feiras, no Templo de Salomão, em três horários: às 10h, 15h e 20 horas, na Avenida Celso Garcia, 605, bairro do Brás, zona leste de São Paulo.

Caso esteja fora de São Paulo, clique aqui e encontre o endereço mais perto de sua casa onde acontece a palestra.

ler mais
Reportar erro

comentários

Carregar mais

Comunicar Erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente