Por que o Espírito Santo quer habitar em você?

Após viagem missionária, Bispo Edir Macedo traz mensagens importantes sobre a prática da fé e a busca da Salvação


Por Rafaela Dias e Flavia Francellino / Fotos: Cedidas

Depois de um longo período fora do Brasil em viagem missionária, o Bispo Edir Macedo retornou ao País com uma inspiração dada por Deus. A primeira reunião realizada por ele aconteceu em 3 de abril, uma quarta-feira, na Universal de Fortaleza, no Ceará.

Milhares de pessoas compareceram ao encontro de fé. Para se ter uma ideia, foi preciso instalar um telão no estacionamento da Igreja e na Rua 24 de Maio, que ficaram lotados. Além desses lugares, o salão anexo ao principal e o auditório subterrâneo também ficaram cheios.

Na ocasião, o Bispo ensinou qual é a situação que faz com que a fé seja funcional. “Fé não tem nada a ver com emoção. Sabe quando a fé funciona? Quando você está com raiva, mas ficar chorando não resolve nenhum problema!”, esclareceu.

Ele afirmou que, no passado, quando Senaqueribe enfrentava os povos que considerava inimigos costumava deixá-los com medo, o que não tem sido diferente nos dias atuais. “O diabo tem feito você, que é emotivo, ser derrotado antes de enfrentar a batalha, porque você está com medo. Não foi para isso que o Espírito Santo veio. Ele não veio para ficarmos chorando pela esquina, reclamando com outras pessoas e lamentando os nossos fracassos”, pontuou o Bispo.

Ele ainda reiterou que muitos não conseguem vencer seus problemas justamente porque ainda não receberam o Espírito de Deus, que vem com a Força e o Poder necessários para vencer qualquer situação.

“O Espírito de Deus faz você tremer de raiva por servir a um Deus tão grande e viver uma vida medíocre. Ele veio para glorificar Jesus através de você, mas ao invés de glorificar a Deus, às vezes, você glorifica o diabo, quando fica tremendo (de medo) dos desafios”, ensinou.

Exemplo de Abraão
Durante a reunião, o Bispo esclareceu que, para ter Deus dentro de si, em primeiro lugar, é necessário ter atitudes como as de Abraão, que deixou sua terra, sua casa e seus parentes para ir até um lugar que seria mostrado por Deus (Gênesis 12).

“Para Deus fazer de Abraão o que Ele queria, Abraão tinha que deixar a terra e suas propriedades. Largar a parentela e ir para uma terra que Ele não mostrou naquele momento, mas Abraão ouviu a voz de Deus e decidiu obedecer. Ele pesou o que Deus estava pedindo e as sete bênçãos que Ele estava prometendo.”

O Bispo disse ainda que a pessoa se torna a própria bênção quando recebe o Espírito do Altíssimo. Mas que, para isso, é preciso que ela se entregue totalmente. “Você é quem deve decidir. Você não é um robô para ser conduzido. É você quem deve decidir colocar sua vida 100% no Altar”, concluiu.

Obreiros e discípulos
No dia 6 de abril, um sábado, o Bispo Macedo esteve no Templo de Salomão, em São Paulo, quando falou a mais de 10 mil obreiros e discípulos que compareceram ao encontro.

No decorrer da reunião, ele falou de renúncias, necessidade de vigilância e, sobretudo, do bem mais precioso: a Salvação da alma. Ele mencionou o versículo de Filipenses, 1.21: “Porque para mim o viver é Cristo, e o morrer é ganho”. Em seguida, explicou que “o apóstolo Paulo, o homem que subiu até o terceiro céu, que, anteriormente, perseguiu a Igreja, que foi escolhido para pregar aos gentios (quer dizer, os não judeus), que foi poderosamente usado pelo Espírito Santo, diz que, para ele, viver é Cristo, e o morrer é ganho. Quer dizer, se o morrer é ganho, o viver sem Cristo é perda”, explicou.

Em seguida, provocou cada um a fazer uma autoavaliação: “quem é você diante de Deus? Por que você ficou atrofiado na fé? Quando Paulo fala que o viver é Cristo, ele está dizendo que tudo o que o Senhor Jesus viveu é o que tenho de viver. Tudo o que Ele passou é o que passaremos também, claro, em um grau infinitamente menor”, acrescentou.

O Bispo ainda alertou: “agora você pode perceber o porquê tantos obreiros, pastores e oficiais da Igreja estão caindo em tentação, se deixando levar pela concupiscência da carne, cobiça, avareza, pelo olhar constante para a oferta em vez do Altar. Essas pessoas, com certeza, não vivem a fé no Senhor Jesus, a exemplo de Paulo.”

Preocupação
O Bispo Macedo apontou que sempre destaca nas reuniões a importância da Salvação porque muitos estão sujeitos a abandonarem a fé, independentemente da posição hierárquica que exercem ou do tempo que frequentam a igreja. E mencionou, ainda, que as conquistas fazem a pessoa desviar o foco. “Não tem nada de errado você querer o melhor para si ou para a sua família. O problema é que nesse olhar para o futuro, você, devagarzinho, vai se inclinando para o que o mundo oferece. Vidrada no casamento, na constituição de família, no dinheiro, aos pouquinhos, você vai deixando o Senhor de lado para absorver a si mesmo.”

Perto do final do encontro, o Bispo Macedo ressaltou o privilégio de se ter o Espírito Santo. “O Espírito Santo trabalha, por exemplo, na minha mente, dizendo o seguinte: ‘ganhe almas, faça o que Eu te dei, multiplique-se, multiplique a sua Salvação. Você só tem essa vida e, enquanto viver, quero te usar para ajudar outras pessoas’”, expôs.

ler mais
Notícias relacionadas
Reportar erro

comentários

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Por que o Espírito Santo quer habitar em você?

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Fake news

Você sabe de alguma notícia falsa que tem circulado na internet sobre a igreja Universal? Relate aqui o caso que iremos trazer toda a verdade no site Mitos e Verdades

Formulário de Denúncia

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach

Coordenadora de Conteúdo:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques, Rafaela Dias



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone:(11) 2392-3372

Endereço Rua João Boemer, 254 - Brás, São Paulo

Cep: 03018-000

Free WordPress Themes, Free Android Games