Grupo realiza confraternização entre jovens em semiliberdade e seus familiares

Evento fez parte das ações de final de ano do Universal Socioeducativo (USE). Veja como foi


Por Núbia Onara / Foto: Cedidas

Recentemente, o grupo Universal Socioeducativo (USE) – que realiza um trabalho com jovens privados de liberdade ou cumprindo medidas estabelecidas pela Lei – realizou uma confraternização entre 18 jovens em semiliberdade e seus familiares no Distrito Federal (Brasília).

Ao todo, 62 pessoas participaram do evento que contou com a presença do coordenador da unidade Semiliberdade Gama, Paulo Luz, e a equipe de servidores.

Aproveitando o momento em que o jovem e seus familiares estavam reunidos, o Pastor Jorge Paulo, responsável pelo trabalho do USE em Brasília, ressaltou como a má convivência nos lares influencia o comportamento.

“Muitos jovens nascem em meio a tantas lutas e sofrimentos, vendo dentro de sua própria casa coisas erradas que, com o passar do tempo, isso se torna normal. O próprio mal vai implantando sua imagem na vida deles, fazendo com que aceitem a situação de destruição em suas vidas”, explica o Pastor.

Usando a passagem bíblica descrita em Mateus, de que os limpos de coração verão a Deus, o Pastor ensinou como é possível ter um recomeço. “Quando nos limpamos das mágoas, dos vícios, das práticas ilícitas como o tráfico, roubo e tudo aquilo que nos separa de Deus”, destacou.

Na oportunidade, foi realizada a consagração dos jovens internos que aceitaram fazer parceria com o Único que abençoa, guarda e não decepciona: o Senhor Jesus.

Novo começo

Guilherme Silva e sua mãe Andreia são provas de que por meio da fé é possível reescrever uma nova história. Durante o evento, ela contou a sua experiência com o filho que, por causa do envolvimento com as drogas, passou a roubar e teve 7 passagens pelas unidades socioeducativas. Ela recordou o sentimento de humilhação que sentia todas as vezes que tinha que visitá-lo.

Porém, usando a fé, ela lutou pelo filho. Hoje ele está liberto das drogas, não rouba mais e está trabalhando. Atualmente, ambos são voluntários desse projeto. Para ela, foi um prazer estar diante de toda equipe da semiliberdade, dando seu testemunho de mudança de vida.

“O projeto Universal Socioeducativo abraçou a causa do meu filho com toda força e isso fez toda diferença na ressocialização dele”, destacou Andreia.

Universal Socioeducativo

Caso queira ser um voluntário do grupo, encontre aqui o endereço de uma Universal mais próxima de você e se informe com um pastor. Você também pode acompanhar o grupo na página do Universal Socioeducativo na rede social.

ler mais
Notícias relacionadas
Reportar erro

comentários

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Grupo realiza confraternização entre jovens em semiliberdade e seus familiares

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Fake news

Você sabe de alguma notícia falsa que tem circulado na internet sobre a igreja Universal? Relate aqui o caso que iremos trazer toda a verdade no site Mitos e Verdades

Formulário de Denúncia

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach

Coordenadora de Conteúdo:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques, Rafaela Dias



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone:(11) 2392-3372

Endereço Rua João Boemer, 254 - Brás, São Paulo

Cep: 03018-000

Free WordPress Themes, Free Android Games