Uso demasiado do ar-condicionado pode trazer riscos à saúde

Especialistas revelam quais são os principais problemas relacionados ao mau uso do equipamento



Por Por Ivonete Soares (*) / Foto: iStock

Quem não gosta de chegar em um ambiente fresquinho e agradável quando o calor do lado de fora está insuportável? Realmente, um ambiente assim é prazeroso de se ficar, mas pesquisas indicam que o uso demasiado do ar-condicionado colabora com o aquecimento global, e quando utilizado de forma errada e sem a higienização adequada, pode trazer riscos à saúde.

Existem atualmente 1 bilhão e 600 milhões de aparelhos de ar-condicionado em funcionamento no mundo. Segundo dados da Agência Internacional de Energia (AIE) até 2050 serão 5 bilhões do equipamento em todo o Planeta.

Ainda de acordo com a agência, o aumento da demanda se deve ao crescimento econômico em algumas regiões e países que sofrem com o aumento das temperaturas, a exemplo do Brasil.

No país tropical, o aparelho é muito utilizado em empresas e corporações, mas também tem ganhado espaço nas residências, resfriando os ambientes e proporcionado alívio em dias mais quentes.

Em entrevista ao programa Brasil Notícias, da Rede Aleluia – apresentado pelos jornalistas Ana Carolina Cury e Fernando Silva -, o médico otorrinolaringologista Dr. Paulo Roberto Lazarini comentou os efeitos do ar-condicionado para a saúde.

“O principal perigo está em relação a algumas doenças que afetam as vias respiratórias que podem ocasionar um quadro irritativo, levar a infecções por transmissão de bactérias, fungos e vírus eventualmente. A presença de sujeira no aparelho e o crescimento dessas bactérias, fungos e a transmissão de vírus podem comprometer muito a saúde das pessoas, principalmente aqueles indivíduos que tenham uma tendência a sofrer de sinusite e asma, por exemplo”, destacou o profissional.

O médico diz ainda que é preciso estar atento aos sinais que mostram que o aparelho não está com a manutenção devida.

“Em ambientes de trabalho, onde diversas pessoas estejam apresentando processos infecciosos ao longo do tempo, podem indicar um comprometimento eventual do sistema de ar-condicionado”.

Para usar de forma adequada o equipamento o especialista em instalação e manutenção de ar-condicionado, Ricardo Dias, listou as seguintes dicas: “É muito importante estar com a manutenção em dia visando sempre o bem-estar e a saúde das pessoas que estão ali no ambiente; troca de filtros (eles são laváveis, não são descartáveis, então, água corrente, sabão e uma bucha já resolve o problema da limpeza); o prazo de limpeza vai de acordo com o local onde o equipamento está instalado, ou seja, se tem uma utilização constante o ideal é de 15 em 15 dias”.

Gostou da matéria? Compartilhe nas redes sociais.

(*) Com informações e entrevistas do programa Brasil Notícias, da Rede Aleluia

ler mais
Reportar erro

comentários

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Uso demasiado do ar-condicionado pode trazer riscos à saúde

[recaptcha]

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Fake news

Você sabe de alguma notícia falsa que tem circulado na internet sobre a igreja Universal? Relate aqui o caso que iremos trazer toda a verdade no site Mitos e Verdades

Formulário de Denúncia

[recaptcha]

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach

Coordenadora de Conteúdo:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques, Rafaela Dias



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone:(11) 2392-3372

Endereço Rua João Boemer, 254 - Brás, São Paulo

Cep: 03018-000

Free WordPress Themes, Free Android Games