Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Bispo Macedo | 28 de janeiro de 2018 - 00:01


4º Dia do Jejum de Daniel

A Proposta Divina

A proposta do Deus Altíssimo para nós é inimaginável. Em termos de vida, vai além do que se possa pensar. Ele nos tem oferecido dicas dessa grandeza mencionando, por exemplo, os sacrifícios exigidos para tal conquista.

Ao dizer:

Entrai pela porta estreita; porque larga é a porta, e espaçoso o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela; E porque estreita é a porta, e apertado o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem. Mateus 7.13-14

Ele define a conquista da vida eterna como algo que, se fosse vulgar, barato e qualquer um tivesse acesso não haveria nem porta nem necessidade de fé para entrar. Mas como seu valor foge em muito a imaginação, a maioria não está nem aí para o que diz respeito ao futuro eterno da alma. Fica fora dos planos Divinos.

Porém, quando a Luz da Fé ilumina os “poucos” pelo Espírito do Criador, há também visão, firme esperança e, sobretudo, fé de se perseverar em atravessar a porta estreita e insistir seguir o apertado caminho da vida eterna preparada pelo Senhor e Salvador Jesus Cristo.

As coisas que o olho não viu, e o ouvido não ouviu, e não subiram ao coração do homem, são as que Deus preparou para os que O amam. Mas Deus no-las revelou pelo Seu Espírito; porque o Espírito penetra todas as coisas, ainda as profundezas de Deus.
Porque, qual dos homens sabe as coisas do homem, senão o espírito do homem, que nele está? Assim também ninguém sabe as coisas de Deus, senão o Espírito de Deus.
1 Coríntios 2.9-11

Leia mais:
– 1º Dia do Jejum de Daniel
– 2º Dia do Jejum de Daniel
– 3º Dia do Jejum de Daniel


reportar erro