Rede aleluia
O que o casamento tem a ver com a Salvação da alma?
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Terapia do Amor | 18 de agosto de 2020 - 13:43


O que o casamento tem a ver com a Salvação da alma?

Veja explicação dada pelo Bispo Edir Macedo

O que o casamento tem a ver com a Salvação da alma?

O Jejum de Daniel é um período para trabalhar o seu relacionamento com Deus e investir na Salvação da alma. Mas você sabia que sua vida amorosa, principalmente a dos casados, também tem tudo a ver com isso?

O Senhor Jesus é identificado nas Sagradas Escrituras como o Noivo e a Igreja como a noiva. Isso mostra que o relacionamento do Altíssimo com a criatura exige o mesmo compromisso que um matrimônio.

“Para manter o casamento, um deve sacrificar em função do outro. Eu renuncio minha vontade pessoal para fazer a vontade dela e vice-versa. Da mesma forma, o cristão tem que sacrificar suas vontades todos os dias para obedecer ao Senhor Jesus. E Ele, por outro lado, sacrifica aturando nossas falhas, erros e pecados”, explica o Bispo Edir Macedo.

E não há atalhos: fugir disso significa perder a própria alma.

Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, e tome cada dia a sua cruz, e siga-me.

Lucas 9:23

Entende-se que a Salvação é uma aliança, um casamento com Deus e que se reflete na união com outro ser humano.

Relacionamento de qualidade

Assim como a vida espiritual, o casamento deve ter um cuidado especial. Afinal, protegemos e cuidamos de tudo o que é importante.

“A pessoa não precisa necessariamente ser casada para ser salva, claro. Mas o casamento faz fortalecer a Salvação e, se você é fracassado no casamento, fatalmente também será na vida espiritual. Os dois dependem da fidelidade, da honra à palavra, do compromisso, valores que não se pode desprezar”, diz o Bispo.

Na Terapia do Amor, casados e solteiros aprendem a ter uma vida amorosa de qualidade. Ela acontece toda quinta-feira, às 10h, 15h e 20h, no Templo de Salomão. O endereço é Avenida Celso Garcia, 605, Brás, zona leste de São Paulo.

Você também pode ir à Universal mais próxima de sua casa. Encontre o endereço aqui.


O que o casamento tem a ver com a Salvação da alma?
  • Rafaella Rizzo / Foto: Getty Images 


reportar erro