Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Renato Cardoso | 19 de junho de 2015 - 09:34


O que você pode aprender observando pessoas de sucesso

Você está, e sempre estará, rodeado de pessoas. Próximas ou distantes, cada uma apresenta oportunidades de aprendizado. É surpreendente como a maioria das pessoas não entende de pessoas. Passa a vida toda maltratando, arruinando relacionamentos, cometendo os mesmos erros e pouco melhora sua maneira de ser. São péssimos observadores.

Podemos aprender com todo tipo de pessoas, mas incrivelmente há uma tendência de olhar apenas para quem está no nosso nível. Talvez seja porque elas são as que menos nos desafiam a ser e fazer melhor. As maiores oportunidades, porém, estão em olhar para quem está em situação inferior ou superior a nossa. Olhar para quem está pior que nós pode nos desafiar a ajudá-los. E olhar para quem está melhor pode nos desafiar a ajudar a nós mesmos. Entende por que preferimos olhar para quem está no nosso nível?

Não tenha medo de olhar para pessoas que estão em situação melhor que a sua.

Em vez de sentir inveja, raiva ou indiferença para com os bem-sucedidos, estude-os. Observe como eles tomam decisões, quais seus hábitos e atitudes, como eles abordam seus problemas e lidam com seus desafios. Procure saber o que eles já passaram para chegar onde estão. Você verá logo que nem todos os que aparentam ser bem-sucedidos são; e que nem todos conquistaram merecidamente o que hoje têm. Desconsidere-os.

Mas fixe seus olhos naqueles verdadeiros guerreiros que lutaram e passaram pelo inferno e hoje são exemplos de vida. Aprenda com eles. Imite-os.

E no futuro, você será um deles.

 

Veja também:

Cadastre-se nesse blog e seja avisado de novos posts…

 Curta nossa página no Facebook. 0% de besteira garantido — ou o seu click de volta.


reportar erro