Rede aleluia

Notícias | 23 de agosto de 2019 - 13:55


Para afastar presas do crime, escola é inaugurada para formar cabeleireiras dentro de penitenciária

Petrônio Gontijo participou da inauguração do espaço na Penitenciária Feminina de Santana. Ator também assistiu a “Nada a Perder 2” ao lado das detentas

No Brasil, somente um em cada cinco presos (18,9%) trabalha, e um em cada oito estuda (12,6%). É o que mostra um levantamento realizado pelo Núcleo de Estudos da Violência (NEV) da Universidade de São Paulo (USP), em parceria com o Fórum Brasileiro de Segurança Pública. Para reverter essa distorção do sistema prisional do país, que deixa detentos ociosos e sem preparo para o retorno à vida em sociedade, o programa social Universal nos Presídios (UNP) oferece aos encarcerados inúmeros cursos e oficinas profissionalizantes.

Uma dessas iniciativas é a nova escola e salão de beleza, construída pela UNP, que, com a presença do ator Petrônio Gontijo, foi inaugurada nesta quinta-feira (22), às 14h, na Penitenciária Feminina de Santana, localizada na zona norte de São Paulo.

A UNP instalou divisórias, papel de parede e móveis para proporcionar uma estrutura adequada. Além disso, os voluntários do grupo se mobilizaram para doar itens necessários para o aprendizado da profissão, como secadores, chapinha, tesouras e lavatório.

“Alguns cursos livres também já eram oferecidos, como design de sobrancelhas e maquiagem, que beneficiou mais de 300 reeducandas da penitenciária. No entanto, agora, teremos condições de proporcionar o curso completo, que dará a elas uma profissão e consequentemente, uma oportunidade de mudar de vida”, explica o responsável geral pela UNP, Clodoaldo Rocha.

“Nós acreditamos na ressocialização e investimos para que ela aconteça”, concluiu.

Na nova escola, serão oferecidos cursos como gestão de salão de beleza, manicure e pedicure, maquiagem profissional, especialização em cachos, design de sobrancelhas, design de cílios, depilação e massagem relaxante. Os responsáveis por ensinar as técnicas das profissões serão voluntários da UNP com vasta experiência na área.

Em setembro, terão início as aulas do primeiro curso profissionalizante de cabeleireiro, com longa duração.

Tarde de cinema

Na mesma ocasião, foi exibido o filme “Nada a Perder 2: Não Se Pode Esconder a Verdade” para cerca de 300 encarceradas da unidade. Na sessão especial, esteve presente o ator Petrônio Gontijo, que interpreta o Bispo Edir Macedo na superprodução que estreou na última quinta-feira (15), nos cinemas.

A exibição para as detentas tornou-se possível graças ao projeto Cinema Solidário, que leva a experiência de se assistir a um filme a quem não tem acesso, utilizando um ônibus adaptado.


  • UNIcom / Fotos: Cedidas 



reportar erro