Rede aleluia
“Jerusalém – A Cidade da Fé”: exposição é inaugurada no Templo de Salomão
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCaraguatatubaCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 7 de Junho de 2019 - 09:10


“Jerusalém – A Cidade da Fé”: exposição é inaugurada no Templo de Salomão

A cerimônia foi conduzida pelo Bispo Edir Macedo e pelo cônsul geral de Israel, Dori Goren

“Jerusalém – A Cidade da Fé”: exposição é inaugurada no Templo de Salomão

Uma parceria entre o Templo de Salomão e o Consulado Geral de Israel em São Paulo inaugurou a exposição fotográfica “Jerusalém – A Cidade da Fé”, no dia 4 de junho.

A cerimônia especial ocorreu no Memorial, localizado na área externa do Templo. E a exposição permanecerá aberta gratuitamente ao público entre os dias 5 e 30 de junho.

“O Templo de Salomão é um pedaço de Jerusalém, aqui no Brasil. E há também o Centro Cultural de Jerusalém, no Rio de Janeiro. E onde a Universal está, sabemos que há amigos que lutam por Israel. Vocês são nossos embaixadores no Brasil e no mundo. Essa exposição mostra Jerusalém, a cidade da fé”, anunciou o cônsul geral, Dori Goren, na abertura do evento.

Em seguida, o cônsul leu o Salmo 122, que traz uma promessa de bênção para aqueles que oram por Israel.

Complementando as palavras da autoridade israelense, o Bispo Edir Macedo enfatizou: “Para nós é extremamente importante receber Israel, aqui. É bom que se espalhe o que um judeu falou para mim, em certa ocasião. Quando ele era pequeno, o avô dele disse: ‘meu filho, só existem dois tipos de pessoas que você vai enfrentar neste mundo: aqueles que amam Israel e aqueles que odeiam’. E este Salmo 122 garante uma vida próspera e abençoada para aqueles que amam Israel.”

Jerusalém além do comum

A coordenação foi de responsabilidade da consulesa de Israel, Cecília Goren (foto ao lado, com o esposo Dori Goren). E a curadoria foi realizada por Camila Gomes e Bety Jardinovsky, do Consulado Geral de Israel em São Paulo.

Já as fotos são do brasileiro Agê Barros, do israelense Noam Chen e do projeto FotograFé.

“Nós quisemos pegar elementos de religião da cidade. Mas, também mostrar os cantos de Jerusalém que não são tão conhecidos. Tem fotos de bairros judaicos. Tem foto do bonde elétrico, por exemplo, na parte nova de Jerusalém. Tem uma foto bem colorida do mercado árabe (‘Arab Souk’). É uma cidade muito plural. Ao mesmo tempo que tem a Cidade Velha, com 3 mil anos, tem a parte nova que é supermoderna”, destacou Camila.

Relacionamento entre dois povos

Para Bety, além da importância cultural, a exposição também traz o estreitamento entre brasileiros e israelenses: “A inauguração desta exposição marca uma nova etapa no relacionamento entre o Consulado de Israel e o Templo de Salomão, em São Paulo. Esse laço de amizade é muito importante. E, por isso, eu desejo que essa exposição seja um sucesso. Que os visitantes possam ter o interesse em conhecer Israel.”

Igualmente, a consulesa acrescentou que a exposição é resultado de um trabalho iniciado há 3 anos, quando ela começou a estudar sobre o cristianismo no Brasil.

“Hoje, fazemos algo inédito. É a primeira vez que realizamos uma exposição como essa. Para nós é uma honra. Estamos muito felizes. Agradecemos também a presença do Bispo Edir Macedo”, comemorou Cecília.

Importância bíblica

A parceria com o espaço do Templo de Salomão veio por meio do Bispo Eduardo Bravo, responsável pelas Relações Institucionais da Universal.

Para ele, a Terra Santa tem um valor especial, sobretudo, no contexto bíblico: “Receber esta exposição aqui no Templo de Salomão é muito importante. Pois, reforça os laços entre a fé que pregamos e a capital eterna de Israel.”

Faça uma visita

Na área externa do Templo de Salomão há o Jardim Bíblico. Ali, é possível também realizar um passeio temático sobre os tempos bíblicos. O Memorial, que recebe a exposição, faz parte deste cenário.

Para mais informações entre em contato pelo telefone (11) 3573-3535 ou pelo e-mail passeio@jardimbiblico.com.


“Jerusalém – A Cidade da Fé”: exposição é inaugurada no Templo de Salomão
  • Daniel Cruz / Fotos: Daniel Bravo 


reportar erro