Rede aleluia
Jejum de Daniel: Débora tem uma história de vida com muitos altos e baixos
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 17 de maio de 2019 - 14:07


Jejum de Daniel: Débora tem uma história de vida com muitos altos e baixos

Mas também de resgate. Saiba o que aconteceu com ela e o marido, depois de priorizarem, verdadeiramente, o relacionamento com Deus

Jejum de Daniel: Débora tem uma história de vida com muitos altos e baixos

A empresária Débora Graça, de 51 anos, tem uma história de vida com muitos altos e baixos, mas também de resgate. Seguindo o exemplo do pai, um homem muito trabalhador, ela ainda bem jovem já conseguiu conciliar os estudos ao seu primeiro emprego registrado. E, foi, exatamente onde, há 33 anos, ela conheceu o marido dela.

Juntos, eles foram construindo uma história a dois. Tentaram abrir o próprio negócio. Mas, não deu certo. Desempregados, portanto, passaram a viver um momento financeiro muito difícil. Foi quando o marido dela decidiu conhecer a Universal e passou a frequentar as reuniões. Em pouco tempo, ele estava trabalhando e recebeu uma promoção relâmpago no novo emprego.

Logo depois, ambos se posicionaram no mercado como empresários novamente, só que agora ganhando milhões. Com isso, também começaram os luxos. Por exemplo, diversas viagens internacionais ao ano. O problema é que o casal focou somente no crescimento financeiro. Acabaram deixando de lado o relacionamento com Deus.

Com o tempo, Débora já não se sentia bem consigo. E passou a externar esse sentimento com um ciúme doentio pelo marido. Quanto mais desconfiava, mais bebia e se tornava uma pessoa agressiva. Ademais, um dia ela se jogou do carro em movimento durante uma discussão do casal. O vazio dentro dela não cessava. E o marido chegou até mesmo a pedir o divórcio.

Assista ao vídeo abaixo e saiba o que aconteceu a Débora e o marido:

“No blog do Bispo (Edir Macedo) estava ali a descrição da característica de tudo aquilo que o Espírito Santo é na vida da gente. Quando eu li aquilo foi revelador. É muito simples. O Espírito Santo é tudo. Se você tiver Ele, não precisa de mais nada. Eu entendi aquilo. E, comecei a buscar do zero. Coloquei Deus em primeiro lugar na minha vida”, contou.

Débora entendeu a diferença de ter uma vida com Deus e de estar sozinha brigando com a força do braço. Retomou a sua vida com o esposo. E, a partir disso, o casal passou a agir a fé juntos e a priorizar a vida com Deus.

Jejum de Daniel para o avivamento do Espírito Santo

O encerramento do Jejum de Daniel acontecerá no dia 09 de junho, no dia de Pentecostes com o derramamento do Espírito Santo, direto do Cenáculo de Jerusalém. Se você deseja esse avivamento espiritual, participe das reuniões diárias que acontecem no Templo de Salomão, ou em uma Universal mais próxima da sua casa.

 


Jejum de Daniel: Débora tem uma história de vida com muitos altos e baixos
  • Redação / Foto: Reprodução 


reportar erro