Rede aleluia

Notícias | 10 de julho de 2019 - 18:10


Campanha nacional ajudará pessoas em situação de rua a se protegerem do inverno

Mais de 400 mil pessoas vivem nessas condições, aponta pesquisa.

Desde a sexta-feira passada (5/7), em São Paulo, quatro moradores de rua morreram com suspeita de hipotermia, informou a polícia civil. Pensando nisso, os programas sociais Anjos da Madrugada e Unisocial-Evangelização iniciaram nessa semana a “Campanha do Agasalho – faça o inverno de alguém mais feliz”. O objetivo é ajudar à população de rua a superar o inverno e evitar que novas tragédias ocorram até o final da estação.

Segundo o Conselho Nacional de Direitos Humanos, existem mais de 400 mil pessoas vivendo em situação de rua no país.

Os voluntários vão recolher agasalhos, cobertores, cachecóis, luvas e sapatos para que sejam entregues ao maior número de marginalizados, na próxima terça-feira (16), em todo Brasil.

Os donativos poderão ser entregues nos templos da Universal e também no Templo de Salomão até o dia 15/7.

Regiões mais frias do país como Paraná, São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais poderão receber as doações antecipadamente, de acordo com a necessidade da localidade. Foi o que aconteceu no último sábado (6), quando o responsável do programa social, Alessandro Paschoal, juntamente com os voluntários, resolveram ir até as ruas da zona-norte paulistana levar sopa, cobertores e agasalhos para os moradores de rua.

“O grupo presta auxílio todas as terças-feiras, mas é impossível ver a temperatura cair bruscamente, como foi neste dia, e não os socorrer”, disse Alessandro.

Em 2018, o grupo beneficiou mais de 1 milhão de pessoas que estão vivendo em ruas, praças, terrenos baldios, buracos e lixões.


  • Unicom / Foto: Cedida 


reportar erro