Rede aleluia
De mãe para mãe: isso farei
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Para as adolescentes | 5 de maio de 2020 - 00:00


De mãe para mãe: isso farei

De mãe para mãe: isso farei

“E tudo quanto pedirdes em Meu nome, isso farei, a fim de que o Pai seja glorificado no Filho.” João 14:13

Querida mãe,

nos tempos de hoje, falar em ter um lar perfeito, onde reina a paz, a conversa, o entendimento, regras, rotinas, disciplinas, está meio difícil ou quase impossível.

Na verdade, hoje em dia os filhos andam tão distantes, mais íntimos de seus aparelhos celulares que quase não há diálogo.

Por outro lado, os pais estão muito ocupados, com tantas coisas por fazer, que melhor é que os filhos fiquem distraídos e assim mais um dia se passa, mas uma semana, mas um mês e quando se dão conta, estão afastados um do outro e os problemas foram se acumulando.

Não queremos falar de um lar perfeito, pois nós humanos, não somos perfeitos. Mas, podemos sim, ter um lar unido e de diálogos.

Deus instituiu a família, para que essa união e amor, fosse a força para cada lar e assim pudéssemos fazer o melhor um pelo outro.

Mãe, temos a grande responsabilidade de promover esse lar unido e prazeroso. Pensa que é impossível? Lhe digo que não, pois nosso Senhor disse: “Tudo que pedires em Meu nome, isso farei…”. Faça isso!

Deus abençoe sua família!


De mãe para mãe: isso farei
  • Eliana Urbaneja 


reportar erro