Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Núbia Siqueira | 4 de julho de 2018 - 03:00


O meu Pastor Pessoal

Davi, o autor do salmo 23, tinha experiência no cuidado com rebanhos, pois, desde muito jovem, cuidava das ovelhas do seu pai. Mas o que aquele jovem não sabia naquela altura é que enquanto ele diligentemente cuidava daqueles animais, Deus amorosamente cuidava da vida dele, e fez isso durante toda a sua existência. Na maturidade, o rei Davi pôde entender o trabalho do Altíssimo como Pastor. Tenho muito apreço por este salmo (mas quem não tem, rs!), por isso tive o arroubo de descrever um pouquinho das minhas experiências com Deus por meio dele.

“O SENHOR é o meu pastor, nada me faltará.”

Porque o SENHOR é o meu Pastor, e eu sou Sua ovelha, Ele governa a minha vida, ou seja, o céu está no controle de tudo. Tenho prazer em seguir a voz do meu Deus, e Ele tem satisfação em me alimentar, guardar e salvar.

Além disso, encontro provisão, descanso e fortalecimento em meio as lutas, de modo que nada do que eu preciso me falta.

“Deitar-me faz em verdes pastos, guia-me mansamente a águas tranquilas.”

Quem pode repousar seguro se vem somente de Deus o poder da preservação da vida, não é mesmo?

Mas, porque Ele é o meu Pastor, me mantenho de pé na Sua presença. O Dono do Céu e da Terra domina sobre tudo e sobre todos, por isso Ele me protege dos perigos e é capaz de transformar a terra mais seca em jardim. Enquanto o mundo padece extenuante no calor das adversidades, as ovelhas do Bom Pastor “deitam” em verdes pastos. Então, nem no pior deserto eu deixei de ser sustentada e saciada por Ele.

Deus ainda me leva para as águas tranquilas, isto é, mesmo em meio as turbulências da vida, eu desfruto de paz sem igual. Os problemas não conseguem perturbar meu sono. Afinal, o que podem fazer lobos ferozes às ovelhas que estão dentro do Aprisco dEle?

“Refrigera a minha alma; guia-me pelas veredas da justiça, por amor do Seu Nome.”

Deus renova as minhas forças todos os dias, por isso meu ânimo não se esgota. Naqueles momentos em que tudo coopera para que eu fique triste e abatida, vem logo o meu Pastor e restaura o meu vigor. Assim, aqueles que querem ver a minha queda nunca enxergarão em mim esmorecimento.

Deus me mostra sempre o Seu reto caminho e, se por acaso, a minha alma se distancia dEle indo atrás das vaidades, Ele me traz de volta para que o Seu Nome seja honrado através de mim.

“Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum, porque Tu estás comigo; a Tua vara e o Teu cajado me consolam.”

Mesmo quando o meu Pastor permitir que eu viva a noite mais escura da minha vida, exposta à vergonha, às armadilhas, às dores e às decepções, ainda assim eu não terei medo algum, porque Ele estará a todo instante comigo. Eu aprendi que quem tem Deus consigo tem o maior Aliado, então, não precisa temer a nada. A Tua vara e o Teu cajado cuidam de mim. Deus os usa para me resgatar, me disciplinar e espantar aqueles que querem me fazer mal. Como não estarei protegida?

“Preparas uma mesa perante mim na presença dos meus inimigos, unges a minha cabeça com óleo, o meu cálice transborda.”

Deus me deixa viver cercada de inimigos. Muitas vezes, sou afrontada por eles, mas isso não significa vergonha final. Na Sua infinita justiça e benignidade, o meu Pastor Se torna um Anfitrião generoso que não só me serve um banquete de vitórias, mas faz isso para que os meus adversários presenciem o Seu favor para comigo e nada possam fazer para impedir. Sou Sua amiga, Sua convidada de honra, por isso a minha cabeça é ungida com o óleo do Seu Espírito e o meu cálice transborda de alegria.

“Certamente que a bondade e a misericórdia me seguirão todos os dias da minha vida; e habitarei na casa do Senhor por longos dias.”

Em cada passo que eu dei na minha vida, Deus sempre foi bom comigo. Sua misericórdia me cercou por todos os lados, por isso não me perdi e, dia a dia, contemplo a Sua fidelidade.


  • Núbia Siqueira  


reportar erro