Rede aleluia
Universal distribui 31 toneladas de alimentos a famílias que perderam renda com quarentena
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 27 de março de 2020 - 21:18


Universal distribui 31 toneladas de alimentos a famílias que perderam renda com quarentena

Confinados em casa e sem ter onde trabalhar, moradores da periferia de São Paulo enfrentam grave crise social

Universal distribui 31 toneladas de alimentos a famílias que perderam renda com quarentena

O programa social Unisocial, da Igreja Universal do Reino de Deus, intensificou as ações humanitárias por todo o Brasil, em decorrência da grave crise social e econômica provocada pela pandemia da Covid-19. Apenas na periferia de São Paulo, a iniciativa distribuiu 31 toneladas de alimentos in natura — frutas, legumes e hortaliças — neste mês de março.

A região da capital paulista concentra famílias de baixa renda, trabalhadores informais e desempregados, segmentos que foram os primeiros afetados pela paralisação da economia do Brasil. Para evitar a propagação do novo coronavírus, a cidade impôs restrições à circulação de pessoas nas últimas semanas, além de determinar o fechamento de praticamente todo tipo de estabelecimento de comércio ou serviço.

Os voluntários do Unisocial recolheram e doaram os alimentos para ajudar na sobrevivência
de 4.550 famílias que enfrentam o confinamento doméstico imposto pela quarentena, e que se encontram sem qualquer possibilidade de obter alguma renda.

“Essa doação é muito importante, porque tem muita gente desempregada. Eu sou um desses casos. Estava trabalhando como motorista de aplicativo, com carro alugado. Tive que entregar o carro”, explica Ronnievon Antônio. “Essa ação vai salvar diversas famílias, inclusive a minha. Eu tenho uma filha que também está desempregada e os alimentos vão ajudar bastante”.

A voluntária Kelly Oliveira relata que o Unisocial está entregando os alimentos nas casas de idosos e de famílias com crianças pequenas dessas comunidades carentes, mas observando todas as recomendações sanitárias para evitar a propagação do coronavírus.

“As famílias estão recebendo esses alimentos de qualidade, e todos ficaram bastante felizes. A gente pede para eles se prevenirem e que se mantenham em casa, porque com certeza virá ajuda, principalmente da Universal”, ressalta ela. “Nós estamos em uma situação difícil por causa do coronavírus. As pessoas estão impossibilitadas de trabalhar, de sair de casa para ir ao mercado ou à feira. E a Universal está com esse trabalho bem bacana”.

Economistas avaliam que a crise gerada pela pandemia pode elevar a 20 milhões o número
de desempregados no Brasil em setembro de 2020.

A Organização Mundial do Trabalho (OIT) estima que a perda de renda do trabalhador chegará a 3 trilhões de dólares em todo o mundo.

UNIcom – Departamento de Comunicação Social e de Relações Sociais da Universal


Universal distribui 31 toneladas de alimentos a famílias que perderam renda com quarentena
  • UNIcom / Fotos: Arquivo Universal 


reportar erro