Rede aleluia
STF libera cultos presenciais em todo País, a partir deste domingo (4)
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 3 de Abril de 2021 - 19:20


STF libera cultos presenciais em todo País, a partir deste domingo (4)

Com decisão do Ministro Kassio Nunes Marques, cristãos poderão celebrar o domingo de Páscoa presencialmente nos templos. Saiba mais 

STF libera cultos presenciais em todo País, a partir deste domingo (4)

Os cristãos de todo o País poderão celebrar o domingo de Páscoa, presencialmente, em suas igrejas, neste domingo, 4 de abril. Isso porque, neste sábado (3), o Supremo Tribunal Federal (STF), por meio de decisão do ministro Kassio Nunes Marques, reconheceu a essencialidade das igrejas, em meio à pandemia de COVID-19 e liberou cultos e celebrações religiosas com, no máximo, 25% da capacidade dos templos.

Além da redução da capacidade, Nunes determinou que as igrejas sigam todos os protocolos de higiene e combate ao coronavírus.

“Reconheço que o momento é de cautela, ante o contexto pandêmico que vivenciamos. Ainda assim, e justamente por vivermos em momentos tão difíceis, mais se faz necessário reconhecer a essencialidade da atividade religiosa, responsável, entre outras funções, por conferir acolhimento e conforto espiritual”, ponderou o ministro.

Além disso, segundo o ministro, “a lei, decreto ou qualquer estatuto que, a pretexto de poder de polícia sanitária, elimina o direito de realizar cultos (presenciais ou não), toca diretamente no disposto na garantia constitucional”.

Santa Ceia da Decisão

Portanto, neste domingo (4), participe da Santa Ceia da Decisão, presencialmente, em uma Universal. Clique aqui e encontre a Universal mais próxima de você. 

Caso você faça parte do grupo de risco, no entanto, saiba que a Universal manterá seus cultos sendo transmitidos pelas mídias oficiais de comunicação.

Veja a transmissão ao vivo, feita pelo Bispo Renato Cardoso, sobre o assunto:

STF libera cultos presenciais em todo País, a partir deste domingo (4)
  • Rafaela Dias / Foto: Dorivan Marinho - STF 


reportar erro