Rede aleluia
Simone foi internada em uma clínica psiquiátrica por causa da depressão
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 24 de setembro de 2020 - 15:25


Simone foi internada em uma clínica psiquiátrica por causa da depressão

Neste período, ela ouviu falar de uma reunião especial de libertação

Simone foi internada em uma clínica psiquiátrica por causa da depressão

Segundo pesquisa da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), os problemas de saúde mental aumentaram em escala preocupante principalmente durante a pandemia do novo coronavírus e o isolamento social. O estudo foi feito através de um questionário online durante os dias 20 de março e 20 de abril, que contou com a resposta de 1.460 pessoas de 23 estados.

O levantamento aponta que os casos de depressão quase dobraram e os de ansiedade e estresse tiveram um aumento de 80%. Além disso, a pesquisa revelou que as mulheres são as mais propensas do que os homens a sofrer com ansiedade e estresse.

Foi o caso de Simone, que sofreu com uma depressão profunda e tentou o suicídio por três vezes.

“Cheguei ao templo com uma depressão profunda, totalmente amargurada, tentei o suicídio, tinha vontade de sumir, eu não me olhava no espelho porque eu me sentia uma mulher gorda, massacrada, horrorosa, eu não tinha qualidade de vida nenhuma, eu não dormia, era viciada em remédios porque eu não aceitava meus problemas”, disse.

A clínica psiquiátrica

Após a busca pela morte, Simone foi internada em uma clínica psiquiátrica para tratamento, pois todos temiam que ela tentasse contra a própria vida novamente.

“Fiquei pouco tempo nesta clínica, pois meu filho conseguiu uma liminar para me tirar de lá, ele não aceitava minha situação”, conta.

Neste período, Simone ouviu falar das reuniões de libertação que acontecem todas as sextas-feiras na Universal e resolveu dar uma chance para si própria.

Assista ao vídeo abaixo e saiba como ela está hoje:


Simone foi internada em uma clínica psiquiátrica por causa da depressão
  • Sabrina Marques / Foto: Reprodução 


reportar erro