Rede aleluia
Para quem devemos olhar
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 29 de Novembro de 2020 - 00:05


Para quem devemos olhar

Em uma de suas obras literárias, o Bispo Edir Macedo traz a inspiradora história de Abraão

Para quem devemos olhar

O livro A Fé de Abraão, escrito pelo Bispo Edir Macedo, traz em suas 104 páginas reflexões sobre a história de um dos heróis da Fé. A obra, publicada pela editora Unipro, foi lançada em 2015 e está disponível também em e-book. A versão digital conta com tradução em inglês e espanhol.

Quem foi Abraão
Abraão foi o homem que iniciou a Fé genuína ao Deus Único e provou as promessas de Deus em sua vida, tornando-se pai de uma grande nação. Porém, antes que tudo se cumprisse, ele passou por momentos de provas e frustrações, mas nunca negou ou desobedeceu ao Senhor. Ele manteve a Fé inabalável de que realizaria os seus sonhos.

Seu maior objetivo era ter um filho, mas sua esposa, Sara, era estéril e tinha idade avançada, o que frustrou seu sonho. Certo dia, no entanto, Deus se apresentou a ele e prometeu que ele teria uma grande nação como descendência: “E far-te-ei uma grande nação, e abençoar-te-ei e engrandecerei o teu nome; e tu serás uma bênção.” (Gênesis, 12.2).

O Livro
O objetivo do livro é mostrar como cada pessoa deve manter a sua Fé e usá-la como alicerce em sua vida diante dos acontecimentos e eventuais problemas. Quando a Fé está assentada em uma base sólida, como é a Palavra de Deus, ela tem qualidade e promove resultados na vida. Entretanto a falta dessa qualidade é o principal motivo pelo qual a maioria dos religiosos não obtém bons resultados práticos.

Afinal, a vida depende da Fé, mas se a fé é desqualificada, assim será a vida.

Abraão foi o primeiro a receber as promessas de Deus com juramentos. Por meio de sua coragem e audácia, ele materializou a Fé e se tornou um exemplo, a ponto do próprio Senhor afirmar “olhai para Abraão…” (Isaías 51.2), em uma demonstração de que a crença e a obediência de Abraão são fontes de inspiração para aqueles que buscam fortalecer a Fé.

O chamado de Abraão
Abraão foi eleito no coração de Deus, Ele o chamou, como está claro na passagem de Gênesis, capítulo 12, versículo 1: “Sai-te da tua terra, da tua parentela e da casa de teu pai, para a terra que eu te mostrarei.”

No livro, o Bispo Edir Macedo explica que esse seria o primeiro teste de Deus para Abraão. “Ele teria de sair da sua terra pagã, da sua parentela pagã, e da casa pagã do seu pai e deixar sua terra natal, suas propriedades, seus costumes, seus amigos, enfim, deixar tudo para trás. Sua entrega a Deus significava a separação do seu mundo.”

Deus precisava que ele estivesse longe de toda influência e de todas as opiniões para que vivesse unicamente dependente da Fé e da promessa dEle. “Por outro lado, sair pelo deserto em direção a uma terra indefinida, sem mapa e sem pista, era realmente um desafio à sua crença”, escreve.

A ousadia de Abraão de ir para um lugar desconhecido é um grande ensinamento para os cristãos. “Quem quiser segui-Lo não precisa saber para onde: basta confiar na Sua liderança. O cristão vive pela Fé, isto é, na certeza de que Deus vai fazer exatamente o que prometeu”, salienta o Bispo na obra.

Se o cristão quer colher os frutos da Fé de Abraão, precisa pagar o preço que ele pagou. “Podemos admirar a grandeza de Fé e seus resultados na vida de Abraão durante seus cem anos de comunhão com Deus, mas não podemos esquecer que a sua primeira atitude foi sua obediência irrestrita, quando deixou sua terra”, completa.

para quem devemos olhar

Aprendizado
O fotógrafo gaúcho Arilson Pitta, (foto à dir.) de 22 anos, conta que o livro o ajudou a compreender a importância da perseverança: “Abraão esperou 25 anos para ter o filho dele. Às vezes, nós queremos as coisas de Deus de forma muito imediata e nos frustramos.” Segundo ele, a leitura também lhe proporcionou outro aprendizado: “Abraão confiou em Deus mesmo sem ter visto um milagre. A raiz de tudo é a confiança em Deus.”


Para quem devemos olhar
  • Camila Teodoro / Foto: Divulgação e cedida 


reportar erro