Rede aleluia
O que eles tinham em comum? Ambos queriam a felicidade interior
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 15 de setembro de 2020 - 01:08


O que eles tinham em comum? Ambos queriam a felicidade interior

Conheça a história de Jorge Oliveira e Josebete, que deixaram para trás um passado triste quando se renderam à fé

O que eles tinham em comum? Ambos queriam a felicidade interior

Quem olha para Jorge Oliveira e Josebete, nem imagina o que ambos passaram. Ainda criança, Jorge sofreu abusos sexuais de uma das pessoas que mais confiava: o líder espiritual da igreja que frequentava.

Desde então, ele cresceu cheio de complexos e passou a rejeitar sentimentos por mulheres. “Comecei a me envolver com pessoas do mundo LGBT, ia para baladas, boates… Tive muitos relacionamentos, mas o que eu, realmente, queria era encontrar uma pessoa que me fizesse feliz”, disse.

Já Josebete era desacreditada do amor, e pensava que nunca teria a oportunidade de construir uma família. “Olhava as outras pessoas juntas e pensava que aquilo nunca iria acontecer comigo; que eu havia nascido para ficar sozinha”, comenta.

Apesar de viverem em mundos diferentes, Jorge e Josebete tinham algo em comum: desejavam preencher o vazio na alma.

E foi em uma das programações da Universal que o advogado e sua esposa entenderam onde poderiam receber a ajuda necessária. E quando receberam o Espírito Santo, viram que Ele é a solução para todos os problemas que afligem a alma.

Assista ao vídeo abaixo e saiba o que aconteceu com ambos após receberem o Espírito Santo:

Participe da reunião da Escola da Fé Inteligente

A reunião acontece todas as quartas-feiras, no  Templo de Salomão, localizado na Avenida Celso Garcia, 605, Brás. Ou você pode participar em uma Universal mais perto de você. Clique aqui e veja o endereço.


O que eles tinham em comum? Ambos queriam a felicidade interior
  • Sabrina Marques / Foto: Reprodução 


reportar erro