Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 12 de janeiro de 2020 - 00:05


“Meu namorado me traiu com uma colega de trabalho”

Na Escola do Amor Responde, Erlen diz ter perdido a paz depois que descobriu que seu namorado a traiu com uma colega de trabalho que, além de tudo, é casada. Ela pede orientações aos professores Renato e Cristiane Cardoso.

ERLEN – Descobri que meu namorado me traiu com uma colega de trabalho, que é casada. Fiquei muito abalada com isso porque estamos juntos há sete anos. Apesar de eu ser muito insegura e ciumenta, nunca dei motivos para que ele me traísse. Conversamos e eu o perdoei, porque o amo, mas estou me sentindo triste. Esse fato não sai da minha cabeça. Se ele demora a chegar ou para atender o telefone, já penso que ela está com ele, o que é favorecido pelo fato deles trabalharem no mesmo local. Não sei o que fazer. Me aconselhem, por favor.

RENATO – Vocês estão namorando há sete anos e não deu tempo ainda para vocês decidirem se essa relação é para se casarem no futuro? Será que não deu para decidirem depois de sete Natais, sete Anos-Novos, sete aniversários de namoro e sete Dias dos Namorados? Vocês estão fazendo algo muito errado nesse relacionamento: estão acomodados. Eu digo vocês porque provavelmente ele deve estar acomodado e você, consequentemente, também. Talvez até desejasse já ter se casado, mas está aceitando a situação. Você já mencionou qual é a razão que a faz aceitar o relacionamento como está quando disse que o perdoou porque o ama. Entenda que o amor não é suficiente para manter um relacionamento. Amar uma pessoa não é garantia de que você a terá ao seu lado. A prova disso é que você, Erlen, ama o seu namorado e, mesmo assim, ele a traiu. O seu amor por ele e supostamente o dele por você não foi suficiente para impedir a traição. É preciso que haja fidelidade, respeito, limites, amizade, cumplicidade e coisas que não estão acontecendo no seu relacionamento. Você disse que depois da traição não tem mais paz porque fica insegura e pensando nele e na colega que trabalha na mesma empresa que ele juntos. Eu e a Cristiane, no seu lugar, já teríamos terminado esse relacionamento.

CRISTIANE – Tem muitas pessoas que estão em um relacionamento assim há muito tempo. Eu sei que às vezes elas começam o namoro mas ainda são jovens e têm muitas coisas para conquistar: querem ir para a faculdade e comprar casa, por exemplo. Então, os anos vão passando e elas não se casam, mas é necessário decidir qual é o foco. Se focar só na carreira, então melhor não namorar. Não dá para ficar em um relacionamento sem definição porque ele vai se desgastando: o relacionamento e o compromisso do namoro ficam muito limitados. No seu caso, Erlen, o que seu namorado está demonstrando é que tem dúvida se quer ou não passar o resto da vida com você. São sete anos que ele mostra isso para você, sem falar, mas com atitudes. Agora, vamos falar de você: o ciúme e a insegurança que você tem são características que fazem parte de você e, apesar de você achar que elas não interferem em nada, interferem sim. Elas fazem os homens se afastarem cada vez mais. A mulher ciumenta e insegura faz o homem se sentir muito seguro na relação, faz com que ele se sinta superior a ela e ele pensa que pode fazer o que quiser na relação.

RENATO – Você tolerou muitas coisas antes dele trair você com uma mulher casada e do mesmo local de trabalho. Você foi fiel a ele e também cúmplice de adultério no casamento de outra pessoa. Por mais que você ame seu namorado, observe o caráter dele. Você tolerou a existência dessa mulher no caminho dele e eles tinham comportamentos indevidos, como troca de mensagens e conversas em redes sociais. Eu duvido que você não tenha percebido porque mulher tem um faro muito apurado para essas coisas. Ou seja, você acabou permitindo isso. Ele deu uma desculpa e você aceitou, suportou isso e o inevitável aconteceu. Nós não estamos dizendo que você seja a única culpada, mas estamos focando em você pelo fato de ter se comunicado conosco. Vou apenas soltar os cachorros em cima de você. Se seu namorado nos escrevesse, eu iria soltar elefante, leão, rinoceronte, etc. Você precisa despertar para o fato de que esse rapaz já está em outra relação. Ele mostrou que não é digno do seu amor. Se você chorar vai ser por um dia, dois, uma semana ou até um mês. Se agir pela Fé e não pela emoção, talvez vá chorar um dia só. Por isso, é importante o quanto antes você olhar para a frente e não olhar mais para trás. Então, você precisa olhar para sua vida e não permitir mais que esse relacionamento vampiro, que está sugando sua vida, continue minando suas energias. Chega! Mostre que você se valoriza mais do que a ele. Esta é a nossa dica para você.


  • Kaline Tascin / Foto: Getty Images 


reportar erro