Rede aleluia
Doação de 21,7 mil cestas básicas socorre famílias que estão passando fome
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 28 de Abril de 2021 - 18:49


Doação de 21,7 mil cestas básicas socorre famílias que estão passando fome

Com a pandemia e restrições decretadas por governadores e prefeitos, 14% da população já não consegue fazer todas as refeições

Doação de 21,7 mil cestas básicas socorre famílias que estão passando fome

Neste domingo (25), o Unisocial EVG distribuiu 21,7 mil cestas básicas — o equivalente a 543 toneladas de alimentos — para famílias que enfrentam dificuldades com a grave crise econômica que o Brasil atravessa. A ajuda humanitária foi oferecida em municípios de todos os estados e no Distrito Federal e beneficiou diretamente 53,1 mil pessoas.

A pandemia da covid-19 e as medidas de restrição sem fim decretadas por governadores e prefeitos provocaram desemprego, redução de renda dos trabalhadores e o aumento nos preços dos alimentos. Como consequência, metade dos brasileiros não sabe se terá comida suficiente na mesa e 14% da população com mais de 18 anos não consegue fazer todas as refeições do dia, segundo um estudo internacional divulgado recentemente.

“Foi decretado lockdown e o fechamento do comércio em muitas localidades, mas não há decreto que suspenda a fome”, explica Leandro Zangarini, responsável pelo Unisocial EVG no Brasil.

Além das cestas básicas, a ação deste domingo distribuiu 118,3 mil lanches, 6,7 mil kits de higiene, 15 mil máscaras, 16 mil peças de roupa e 7 mil pares de calçados.

Também foram oferecidos diversos serviços gratuitos para a população, como atendimento jurídico, corte de cabelo, aferição de pressão, teste de glicemia, recreação para as crianças, manicure e design de sobrancelhas. Todos os 21,4 mil voluntários envolvidos na ação seguiram os protocolos indicados pelo Ministério da Saúde e por autoridades locais para evitar o contágio e a propagação do novo coronavírus.

O atendente José William, de 50 anos, foi um dos beneficiados pela iniciativa do Unisocial. “Eu passei mais de um ano sem trabalho devido à pandemia. A empresa onde eu trabalhava dispensou muita gente e ficou apenas com 50% dos funcionários. A cesta básica doada pelos voluntários do Unisocial foi essencial para mim. As coisas estão muito caras e eu estava passando necessidade. É uma grande ajuda”, agradeceu.

Como colaborar

O Unisocial EVG é um dos programas sociais mantidos pela Igreja Universal do Reino de Deus.

Em 2020, a Universal arrecadou e distribuiu 40,6 mil toneladas de alimentos no Brasil e em mais 109 países, sendo 2,2 milhões de cestas básicas e 3,5 milhões de refeições prontas.

Colabore com essa ajuda humanitária. Clique aqui para localizar o templo mais próximo e doe alimentos não perecíveis.

Também é possível fazer doações financeiras pelo site oficial da Universal no link universal.org/doar.


Doação de 21,7 mil cestas básicas socorre famílias que estão passando fome
  • Unicom / Fotos: Cedidas 


reportar erro