Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 14 de dezembro de 2018 - 10:15


Dia da Bíblia é comemorado na Câmara Municipal de São Paulo

Evento especial contou com a participação de bispos e pastores da Universal e autoridades de Israel

Normalmente, a Câmara Municipal de São Paulo é palco de discussões políticas. É lá onde 55 vereadores votam quais projetos de lei e emendas seguirão para a sanção do prefeito da cidade. Na última segunda feira (10), no entanto, o cenário foi diferente. No lugar das pastas com projetos de lei, estavam Bíblias. Os vereadores deram lugar a pastores que foram comemorar, em uma sessão solene, o Dia da Bíblia.
O evento foi uma iniciativa do vereador André Santos (PRB). Para celebrar a data, estiveram presentes os Bispos Eduardo Bravo, presidente do grupo Unigrejas – que atua no relacionamento entre a Universal e demais denominações; o Bispo Ronaldo Carneiro, representando os milhares de obreiros espalhados pelo Brasil, e o Bispo Eduardo Ribeiro, coordenador do Grupo da Saúde no País.

Além dos representantes da Universal, semelhantemente, pastores de diversas denominações também estiveram presentes na celebração. Igualmente, o cônsul geral de Israel, Dori Goren, ao lado da consulesa Cecília Goren, além de representantes da Sociedade Bíblica do Brasil (SBB) e da Sociedade Bíblica Trinitariana.
O Dia da Bíblia
Durante a solenidade, o vereador e líder da bancada do PRB na Câmara destacou a importância de celebrar essa data. “A Palavra de Deus não pode ficar esquecida. Ela deve ser lembrada o tempo inteiro. Não apenas os pastores devem propagar essa Palavra, mas todos os que tiveram uma experiência com Deus”, pontuou o vereador. Ele também acredita que a Palavra de Deus seja uma fonte para a solução de problemas sociais.
“Uma pessoa que está presa, por exemplo, pode receber a Bíblia e ler uma palavra que vai mudar tudo e levá-la a uma vida diferente. Consequentemente, longe da criminalidade”, destacou. 

A unidade da Palavra

O Bispo Eduardo Bravo, por sua vez, fez questão de enfatizar que a Bíblia depende da prática do ser humano. “Se não for lida, compreendida e praticada, a Bíblia torna-se apenas papel. Muitos têm a Bíblia aberta no Salmos 23, cumprem rituais, mas se a Palavra não for vivida, ela perde o seu efeito”, ensinou.

Ele ainda destacou, contudo, que é necessário que os pastores se empenhem em levar as Escrituras Sagradas às pessoas. “Somos nós, pastores, quem temos a missão de fazer esta Palavra ser distribuída, mas também revelada e interpretada por todos”, concluiu. 

Presente inesperado

Pastores da Universal e de demais igrejas foram homenageados pelo relevante trabalho espiritual e social que têm desempenhando na cidade de São Paulo.
Além disso, em uma parceria entre o Arca Center e Univer Vídeo, todos os presentes receberam acesso à Bíblia digital com os comentários do Bispo Edir Macedo.


  • Rafaela Dias / Fotos: Erik Teixeira 


reportar erro