Rede aleluia

Notícias | 2 de abril de 2017 - 03:05


Descubra se você já teve o verdadeiro Encontro com Deus

Não basta ler a Bíblia e frequentar a Universal para que isso aconteça. Entenda o que você precisa realmente fazer

A raiva se transforma em paciência, a intolerância em amor, a mentira em verdade, o vazio em paz. Uma mudança que começa no interior e se reflete nas atitudes. Esses são os primeiros sinais de que a pessoa teve um verdadeiro Encontro com Deus. Mas como é possível conquistar essa transformação? O que fazer para preencher a vida com o que há de mais precioso?

Antes de tudo, segundo o bispo José Holanda, é preciso entender que ter um Encontro com Deus significa encontrar a Salvação. “Isso acontece porque a pessoa começa uma nova vida, conquista a paz que muitos hoje procuram no mundo por meio de ‘alegrias momentâneas’ proporcionadas pelas drogas, pela prostituição, etc. Então, quando se entende a importância desse Encontro, a pessoa reconhece os erros e muda”, explica.

O bispo José conta como isso aconteceu na vida dele. “Eu já estava na igreja, mas tive meu Encontro com Deus em um dia de domingo, em uma reunião pela manhã. Foi quando a ficha caiu e eu vi o quão pecador era e o quanto eu precisava de Deus acima de tudo.”

Não muda, transforma

Daniela da Silva Ribeiro (foto ao lado), de 21 anos, analista de atendimento, lembra que ia à Universal desde criança com a mãe. O fato de estar presente na reunião não foi suficiente para que ela tivesse um Encontro real com Deus. “Eu sabia disso, porque era uma pessoa emocionalmente instável. Uma hora queria ir à igreja e outra hora não queria mais. Me tornei uma adolescente muito rebelde, mentirosa, agressiva e extremamente vazia. Tinha muitas dificuldades com meus familiares, pois tinha um comportamento muito intolerante.”

Depois de longos anos, ela lembrou das palavras que tinha ouvido nas palestras e entendeu que precisava mudar para ser verdadeiramente feliz. “Eu não aguentava mais viver presa ao sentimentalismo, aos meus próprios defeitos. Como já conhecia a verdade, passei a ter o desejo de ir à igreja novamente. Lembro que fui em uma quarta-feira. Tudo aconteceu para que eu não fosse naquele dia, mas eu estava decidida a mudar de vida”, diz.

Aquela reunião marcou a vida de Daniela para sempre. “O pastor falou sobre o novo nascimento. Foi quando decidi entregar minha vida para Jesus e me batizei nas águas. Depois disso, fui criando cada vez mais forças para vencer as minhas vontades. Quando participava das reuniões, eu percebia no meu interior que algo grandioso ainda estava por vir”, acrescenta.

No ano seguinte, ela participou do “Jejum de Daniel”, propósito em que todos ficam durante 21 dias buscando ainda mais a presença de Deus. “O Bispo Edir Macedo falou que este propósito seria para todos aqueles que desejavam receber o Espírito Santo. Quando ouvi isso, disse a mim mesma: ‘essa é a minha oportunidade, será neste jejum que irei conhecer o Deus da Bíblia’. Comecei de todo meu coração, pois desejava ter um encontro com Deus. Sacrifiquei tudo aquilo que era minha distração, como novelas, séries, músicas até mesmo amizades que me afastavam de Deus”, conta.

Os sacrifícios trouxeram a vitória na vida da jovem. “Até que um dia, em uma reunião, me humilhei diante do Senhor Jesus e reconheci que sem Ele minha vida não tinha sentido. Então, Deus veio ao meu encontro. No momento, eu não sabia se ria ou se chorava. Uma paz e uma alegria invadiram meu coração. Tive a certeza de que não era mais uma criatura e sim uma filha de Deus. A alegria da Salvação tomou conta de mim”, se alegra.

O que trazia dor ficou no passado e hoje ela tem força e sabedoria para enfrentar e vencer qualquer obstáculo. “Aquele vazio foi preenchido. Sou realizada, Deus me faz completa em tudo. Ele me dá a certeza da vitória”, conclui.

Pode ser você

O bispo José Holanda explica que qualquer um pode ter esse Encontro com Deus, mas é preciso ter sede, ou seja, querer isso mais do que tudo, estar disposto a sacrificar tudo o que vem do mundo e sempre ter cautela. “Essa conquista pode vir para todo aquele que O buscar, independentemente de religião, de cor, raça ou classe social, desde que seja com entrega total. Só que é preciso investir na vida espiritual, porque da mesma forma que existe o encontro também existe o desencontro, que é quando a pessoa se afasta dEle”, alerta.

Por isso, é importante lembrar de sempre exercitar a fé. O Bispo Edir Macedo esclarece que é importante seguir os passos que Jesus nos ensinou para ter a verdadeira comunhão. “Primeiro: em um relacionamento com Deus tem que haver o arrependimento, conversão com consequência no batismo nas águas. Desde a época de João Batista, o arrependimento significa abandonar os pecados e começar uma vida certa. Segundo: o encontro com Deus, a experiência do novo nascimento, é o passo concedido pelo Espírito Santo. Terceiro: logo após o arrependimento e o novo nascimento, vem o batismo com o Espírito Santo, que quem faz é o próprio Senhor Jesus”, orienta.

Por isso, se você já se batizou nas águas, busque de todo seu coração esse Encontro com Deus. Só com ele você conseguirá permanecer, evoluir e, principalmente, ter força, decisão e sabedoria para lidar com todas as questões do dia a dia.

O real Encontro preenche seu interior. É a partir dele que nasce o desejo de receber o Espírito Santo, que completará a obra de Deus em sua vida espiritual. O batismo com o Espírito Santo será o assunto da reportagem que será publicada na próxima edição, nessas mesmas páginas. Enquanto ela não chega, invista no seu Encontro com Deus.

Saiba mais sobre esse e outros assuntos espirituais na Noite da Salvação, que acontece todas as quartas-feiras, na Universal. Clique aqui para consultar o endereço de uma igreja mais perto de você. Ou converse agora mesmo com um Pastor Online.


  • Por Ana Carolina Cury / Fotos: Fotolia e Demetrio Koch 



reportar erro