Rede aleluia
A intervenção divina
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 6 de Agosto de 2016 - 03:02


A intervenção divina

Leia a mensagem de hoje do livro “O Pão Nosso para 365 dias”

A intervenção divina

“Acabou-se, pois, o muro aos vinte e cinco dias do mês de elul, em cinquenta e dois dias. Sucedeu que, ouvindo-o todos os nossos inimigos, temeram todos os gentios nossos circunvizinhos e decaíram muito no seu próprio conceito; porque reconheceram que por intervenção de nosso Deus é que fizemos esta obra. ” Neemias 6.15,16

Depois de suportar todas as afrontas, perseguições e desprezo dos inimigos, o povo de Israel finalmente concluiu a reconstrução do muro de Jerusalém. O momento em que a obra ficou pronta foi tão impactante que os inimigos tiveram que engolir as palavras de derrota que disseram contra o povo. Tiveram que reconhecer que a obra foi feita por intervenção de Deus. Se tivesse sido fácil, como reconheceriam? Como seria vista a intervenção Divina?

A resistência que você tem enfrentado e as dificuldades que se levantam em seu caminho servirão para mostrar o poder de Deus. Não que Ele crie essas dificuldades, mas permite que aconteçam para provar sua fé. Uma vez provada e aprovada, fica claro para todos os que observam que você não fez nada sozinho.

Não importa o que essas pessoas pensem ou deixem de pensar, não importa em que acreditem ou deixem de acreditar, todos os que zombaram terão de reconhecer a força e o poder de Deus. Terão de reconhecer a intervenção Dele. Por essa razão, desanimar ou desistir da guerra não deve ser opção. Risque a palavra “desistir” de seu vocabulário. Neemias sempre soube que a obra seria concluída, pois contava com Deus para isso. Siga seu exemplo.

Tenha certeza da sua vitória.

Se você que aprender mais sobre esse tema, participe da Noite da Salvação, que acontece todas as quartas na Universal. Clique aqui para localizar o endereço de uma Igreja mais perto de você.

(*) Fonte: livro “O Pão Nosso para 365 dias”, do bispo Edir Macedo


A intervenção divina
  • Da Redação (*) / Foto: Thinkstock 


reportar erro