Edno passou uma semana tendo apenas mexerica para alimentar a família

Por Andre Batista / Imagens: Universal e Reprodução Facebook

Entre todos os títulos que conquistou nos gramados, um se destaca: o Campeonato Brasileiro da série B (2011), em que ele liderou a Portuguesa na conquista, sendo o artilheiro do time e um dos artilheiros do campeonato.

Edno Roberto Cunha atua há 14 anos no futebol profissional e hoje é um futebolista reconhecido por seu comprometimento e capacidade técnica. Mas nem sempre foi assim.

“Eu me sentia envergonhado, me sentia um fracassado”, conta o jogador.

Esse sentimento de frustração em Edno existia porque, durante um período de sua carreira, ele não pôde sequer sustentar a família. “A gente passou muita dificuldade, chegamos a passar fome. Chegamos a ficar uma semana só comendo mexerica.”

Apesar da glória e fama que os meios de comunicação exibem, poucos são os jogadores que conseguem viver do futebol.

Um relatório divulgado pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) este ano revela que 82,4% dos profissionais recebem menos de mil reais mensais. Entre mil e R$ 5 mil são 13,68%. Menos de 4% dos jogadores recebem um salário maior.

A virada do jogo

Um dia a esposa de Edno, Fabiana, acompanhando a programação da Universal imediatamente decidiu que os dois precisavam ir até Deus para que a vida deles mudasse. Sem esperanças sobre o seu futuro, o atleta aceitou a proposta.

“Nessa primeira reunião eu me lembro de que cheguei angustiado, triste, e saí uma pessoa totalmente diferente. Saiu aquele peso de dentro de mim. Saiu aquela angústia. E saí dali com uma perspectiva de vida enorme.”

Quer saber o que aconteceu dali em diante e como ele se tornou um campeão? Assista ao depoimento do casal no vídeo abaixo:

Você também pode reverter as dificuldades da sua vida, na área profissional ou em qualquer outra. Clique aqui, saiba mais sobre a Fogueira Santa e entenda como isso é possível. Participe.

ler mais
Reportar erro

comentários

Carregar mais

Comunicar Erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente