4 passos para o sucesso financeiro

Por Rafaella Rizzo / Foto: Thinkstock

Há cerca de dois anos, não se fala em outra coisa a não ser a crise financeira no Brasil. O medo parece ter se instalado nos lares e mentes da população, que tem feito todo o possível para não deixar faltar o que é essencial dentro de casa. Os que têm uma condição melhor até mudam de país acreditando que essa é a única maneira de sair do aperto.

Isaque, filho de Abraão, teve a mesma atitude. A terra em que ele habitava, junto ao poço Beer-Laai-Rói, passou por uma forte crise. Não havia nem sequer o que comer. Ele, então, decidiu ir para outro lugar, Gerar, e de lá iria para o Egito. Nos dias de hoje, é como se um brasileiro pretendesse ir para os Estados Unidos ou para a Europa, para fugir da crise econômica.

Mas a Bíblia relata algumas atitudes de Isaque que foram essenciais para ele vencer mesmo naquele momento difícil. Veja abaixo:

Obediência a Deus

Quando ele já estava de malas prontas para mudar de país, o Senhor apareceu e disse para ele ficar onde estava, em Gerar, pois ali ele seria grandemente abençoado.

“E apareceu-lhe o Senhor, e disse: Não desças ao Egito; habita na terra que eu te disser; peregrina nesta terra, e serei contigo, e te abençoarei; porque a ti e à tua descendência darei todas estas terras, e confirmarei o juramento que tenho jurado a Abraão teu pai”

Gênesis 26:2,3

Aos olhos humanos, era uma loucura, mas Isaque obedeceu, sabendo que o Deus de seu pai não falharia em Suas promessas. Este primeiro passo o levou ao segundo.

Ter atitude

“E semeou Isaque naquela mesma terra, e colheu naquele mesmo ano cem medidas, porque o Senhor o abençoava.”

Gênesis 26:12

“Ele teve disposição para plantar num lugar que não tinha futuro, pois era época de seca e a terra dos inimigos, mas não ficou de braços cruzados. Deus não mandou ele plantar, apenas ficar ali, mas a pessoa da fé ouve uma vez e entende duas, sempre está caminhando a segunda milha”, explica o bispo Edson Costa.

Persistência

Mesmo fazendo o que era correto, Isaque se deparou com inimigos que passaram a persegui-lo, a encher de areia cada poço que ele cavava e, assim, ele era obrigado a ir mais longe para abrir novos poços, o que se tornou algo positivo. “Nada segura um determinado. Na verdade, seu inimigo lhe promoveu, pois assim Deus alargou suas fronteiras ”, reflete o bispo.

Estabelecer

Apesar de ser abençoado em tudo que fazia, Isaque sabia que enquanto estivesse na terra do inimigo seu crescimento seria barrado. Ao encontrar um novo poço, com água nascente, ele iniciou “um novo negócio”, que se expandiu a ponto do local se tornar a cidade de Berseba, que existe ainda hoje. “Deus chamou à existência o que não existia. Vemos isto hoje em Dubai: há 60 anos não havia nada além de areia lá. Mas alguém de visão creu naquela terra e a tornou a mais famosa do mundo. Deus quer que você cresça e estabeleça”, conclui o bispo.

Para buscar a direção de Deus para sua vida econômica, compareça ao “Congresso para o Sucesso”, que acontece às segundas-feiras no Templo de Salomão. Ou veja o endereço da Universal mais próxima da sua casa clicando aqui.

ler mais
Reportar erro

comentários

Carregar mais

Comunicar Erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente

Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach e Eliana Caetano

Editora de Conteúdo Web:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Maria do Rosário, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone: (11) 3321-5244

Endereço: Rua dos Missionários, 139, Santo Amaro - São Paulo (SP)

Cep: 04729-000