Rede aleluia
QUANDO O CELULAR separa o casal: Reflexão & Regras
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Renato Cardoso | 31 de outubro de 2018 - 10:06


QUANDO O CELULAR separa o casal: Reflexão & Regras

Hoje, o relacionamento tem um outro inimigo tão perigoso quanto um amante, o vício em drogas, sejam elas lícitas ou ilícitas, ou até a pornografia. Esse inimigo é tão íntimo de seus parceiros quanto vocês o são um para o outro: O CELULAR!

Ele é um excelente aparelho, é muito útil para o trabalho, mas tem prejudicado toda uma geração e é capaz de destruir lares. E isso já tem acontecido. Saiba separar as coisas, colocá-las em seus lugares e dê a devida atenção à sua família. Dicas ouvindo o áudio do vídeo acima (13 mins).

 

Veja também:

Cadastre-se nesse blog e seja avisado de novos posts…


reportar erro