Rede aleluia

Notícias | 3 de novembro de 2019 - 00:05


O que é uma Aliança?

O que seria da vida sem comprometimento? A diferença entre as pessoas que conquistam e aquelas que só se lamentam talvez esteja justamente nesse pequeno detalhe: o compromisso. E o que significa ser uma pessoa compromissada?

Comprometer-se com algo é assumir a sua parte em um acordo, é tomar para si a responsabilidade que lhe cabe em uma situação e é renunciar a algo em prol da lealdade ao pacto firmado. Assumir um compromisso é estabelecer um acordo que envolve direitos e deveres, é firmar uma aliança. Uma pessoa comprometida reconhece o papel de protagonista da própria história. Ao mesmo tempo, ela está atenta às promessas que fez e trata de cumpri-las à risca. Compromisso não significa apenas atender aos próprios desejos, mas fazer o que é necessário.

Todas as áreas da vida dependem de compromisso. O casamento é um grande exemplo da importância de firmar uma aliança. Quando duas pessoas decidem se casar, elas renunciam à vida de solteiro. Esse sacrifício é fundamental para que elas construam uma nova vida juntos e que envolverá desafios diários. O casamento é uma aliança em que duas pessoas respeitam certas regras em prol de um objetivo comum. Se o pacto for quebrado, o relacionamento certamente perderá forças até ser completamente destruído.

Os compromissos também são fundamentais na vida profissional. Toda vez que uma empresa presta serviço a um cliente, ela firma um pacto em que se compromete a entregar tudo o que foi acordado. Ao mesmo tempo, o cliente se compromete a pagar o valor estipulado. Se uma das partes quebra o compromisso, os problemas se instalam. Chefes e funcionários também precisam manter uma aliança: só assim os bons resultados aparecerão. Se o chefe promete uma coisa e faz outra, ele gera desconfiança e descontentamento no funcionário – e isso compromete o clima organizacional e a produtividade do negócio. Ao mesmo tempo, se o funcionário deixa de cumprir o contrato, os resultados também serão atingidos.

Ou seja, uma verdadeira aliança envolve ações concretas. Não adianta apenas fazer um acordo com palavras ou por escrito e depois ter atitudes diferentes. O mesmo ocorre com a Aliança com Deus. É comum encontrar cristãos que dizem que têm um pacto com Deus, mas basta observar algumas atitudes suas para constatar que é tudo da boca para fora.

A aliança com Deus envolve obrigações e deveres que devem ser guiados pela Bíblia. Afinal, Deus estabeleceu regras para a construção de Seu Reino.

Quem deseja entregar a vida a Deus deve estar disposto, em primeiro lugar, a sacrificar sua antiga vida. Isso envolve assumir uma nova postura, novos pensamentos e novos hábitos.

É essa aliança com Deus que tem levado muitas pessoas a conquistar verdadeiras mudanças de vida. Por meio do pacto com Deus, o cristão ganha novas forças para lutar contra as adversidades do cotidiano. Essa aliança abre uma nova visão que permite enxergar oportunidades onde só existem problemas.

Aqueles que firmam um pacto com Deus são preenchidos, por meio do Espírito Santo, e se tornam a Sua Morada. Por isso, no próximo domingo a Folha Universal traz histórias de pessoas que conseguiram grandes transformações depois que firmaram uma aliança com Deus.

E não se esqueça: 2019 está acabando, mas ainda é possível fazer algo pela sua vida.


  • Redação / Foto: Getty Images 


reportar erro