Rede aleluia

Notícias | 4 de novembro de 2019 - 09:18


“A conversa foi importante para acertarmos os pontos que precisávamos melhorar no casamento”

Milhares de casais e solteiros participaram da Caminhada do Amor no Brasil e no mundo. Veja como foi

A manhã de muito sol e céu azul serviu de cenário para um belo passeio no dia 26 de outubro, no Parque Ibirapuera, em São Paulo. Eu, com 21 anos, jornalista, além de fazer a cobertura da Caminhada do Amor 2019 para a Folha Universal, participei deste evento, que incentiva o diálogo inteligente nos relacionamentos, com meu marido, Erick Teodoro, de 24 anos.

Em 2018, ainda noivos, participamos do evento que contribuiu muito para nosso relacionamento. Agora, casados há cinco meses, notamos que a conversa foi um recurso importante para acertarmos os pontos que precisávamos melhorar dentro do casamento.

Eu e o Erick tivemos criações diferentes. Também temos, claro, personalidades, manias e gostos distintos. Então, aproveitamos esse momento de conversa inteligente e tranquila para entender como poderíamos nos adaptar melhor às nossas diferenças e evitar problemas que ainda possam surgir futuramente.

Aproveitei para entrevistar meu marido e saber o que ele achou desta experiência. Ele me disse que o diálogo é sempre necessário. “Esse tempo de conversa mansa e a chance de sair da correria do dia a dia são essenciais para a manutenção do relacionamento. Faz pouco tempo que casamos e estamos na fase de adaptação, que é considerada uma das mais difíceis. Então, esse diálogo foi ótimo para colocarmos o que gostaríamos que fosse melhorado e como isso poderia ser feito. Dediquei esse momento apenas para ouvir as necessidades da Camila e para saber como ser um esposo melhor”, declarou.

Priorizando o diálogo
O casal Enderson Nascimento, publicitário de 40 anos, e Michele Cristina Francisco, (foto abaixo) jornalista de 31 anos, também participou da Caminhada do Amor. Eles namoram há seis meses e consideram que o fato de praticarem a conversa inteligente foi uma grande oportunidade para investirem na evolução do relacionamento. “O diálogo inteligente é a melhor ferramenta para prevenir problemas futuros e este momento na Caminhada do Amor tem um valor muito grande, pois nos faz descobrir aspectos que no dia a dia estavam passando despercebidos. Conseguimos dar uma atenção maior um ao outro e saber o que cada um espera do outro”, explicou Enderson.

são paulo, fé, caminhada do amor, the love walk, diálogo, conversa, união

Michele enfatizou que momentos como esse são indispensáveis para que se conheçam mais e melhor. “Essa é uma etapa das nossas vidas que estamos a cada dia nos conhecendo mais para tomar uma decisão que será para a vida toda e nada melhor do que o diálogo. E a Caminhada veio para somar ainda mais nesse investimento que estamos fazendo”, completou.

Em São Paulo

Assim como eu e meu marido e Enderson e Michele, cerca de 12 mil pessoas entre casais e solteiros também separaram a manhã de sábado para estar no evento promovido pelo programa The Love School – Escola do Amor, da Record TV.

No ponto inicial do evento, todos puderam acompanhar shows com músicas ao vivo. O autônomo Marcio Rodrigues, de 26 anos, aproveitou a oportunidade e subiu ao palco para fazer uma declaração de amor a Ketillyn Guedes Maciel de Souza, de 24 anos, e, em seguida, fez uma surpresa a ela: a pediu em casamento.

Depois do pedido, os idealizadores da Caminhada do Amor e apresentadores do The Love School, o casal Renato e Cristiane Cardoso, deram instruções de como aproveitar aquele dia com o respectivo parceiro ou pretendente e obter ótimos resultados com a conversa.

Os palestrantes explicaram que a Caminhada do Amor tem o objetivo de tirar os casais de dentro de casa para que, por meio de um momento juntos, escutem o que seus respectivos parceiros tantas vezes quiseram dizer mas não conseguiram porque não foram ouvidos.

“Muitos casais conversam, mas apenas sobre a rotina, como as contas a pagar ou as compras. Então, para muitos casais, a Caminhada foi a primeira vez que saíram, deram uma atenção especial ao relacionamento e prestaram atenção um no outro. Só depois de ouvir você pode falar algo inteligente”, esclareceu Renato Cardoso.

casamento, decisão, amor, carinho

Cristiane acrescentou que é necessário que o diálogo inteligente ocorra de modo constante na vida do casal. “Eu e o Renato também somos muito ajudados ao fazer a Caminhada e muitos casais voltam a fazer a Caminhada todos os anos. Isso é fundamental, porque todos mudamos muito com o tempo, amadurecemos e começamos a pensar de forma diferente quanto a diversos assuntos. Então, é preciso sempre estar se atualizando sobre o que está acontecendo com cônjuge e também com nós mesmos”, afirmou.

Pelo mundo
Além de São Paulo, a Caminhada do Amor foi realizada em parques de mais de 180 cidades brasileiras e também em mais de 90 países mundo afora. No total, cerca de 140 mil pessoas separaram esse dia especial para cuidar do relacionamento e praticar o amor inteligente.

O incentivo, certamente, será o pontapé para que eles tenham o mesmo comportamento no dia a dia, apesar da rotina agitada.


  • Camila Teodoro / Fotos: Demetrio Koch e Cedidas 


reportar erro