Rede aleluia
Por que casais perfeitos geram casamentos fracassados?
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 22 de junho de 2020 - 23:45


Por que casais perfeitos geram casamentos fracassados?

Saiba o motivo de muitos casais perfeitos aos próprios olhos, serem infelizes

Por que casais perfeitos geram casamentos fracassados?

Ela, a esposa perfeita, que concilia muito bem a vida profissional e a dedicação ao lar. Ele, o marido exemplar, fiel, trabalhador e que não deixa nada faltar em sua casa. Mas, de repente, o casamento fracassa. O programa “The Love School – Escola do Amor” abordou este assunto no último sábado (20 de junho), com os apresentadores Renato e Cristiane Cardoso.

Muitos casais terminam o relacionamento alegando que deram o “seu melhor”. Pensam terem sido o melhor cônjuge do mundo e não entendem por qual motivo a relação não deu certo.

Mas nessa percepção de terem sido “o melhor que podiam ser” esconde-se um dos maiores erros em um relacionamento.

Um levantamento realizado pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP ) aponta que a dificuldade de diálogo entre maridos e esposas é a terceira maior causa de crises conjugais, atrás apenas da falta de sexo e da infidelidade.

A falta de comunicação gera briga, falta de respeito e contribui, significantemente, para o fim da relação. E escutar o outro, sem dizer nada, pode indicar descaso, tédio e indiferença. Por outro lado, por não saber dialogar, muitos cônjuges vivem cobrando ou reclamando, o que em vez de despertar no outro o desejo de mudar, gera o efeito contrário: de não quer ouvi-lo.

Outro aspecto é que um quer que o outro adivinhe o que se está querendo dizer: algo impossível. Daí fica o dito pelo não dito. Mas é preciso que haja clareza na comunicação, para que o relacionamento funcione.

Reconheçam e se ouçam

Cristiane destacou que, normalmente, a pessoa que reclama pensa que tem esse direito, porque ela não é ou não faz o que o outro está fazendo ou deixando de fazer para com ela.

Renato relembrou que essa foi a causa deles terem ficado 12 anos tendo problemas no relacionamento. “Eu não aceitava as reclamações da Cristiane ao meu respeito, porque eu só olhava para as minhas qualidades”, alertou.

O apresentador contou, ainda, que o casamento só mudou quando ambos chegaram à conclusão de que não eram tão bons quanto achavam, e que o outro tinha razão com as reclamações. Ao reconhecerem isso, puderam olhar para dentro de si e reparar o que tinha que ser mudado.

Assista no vídeo abaixo ao programa na íntegra:

Escola do Amor

Acompanhe o “The Love School – Escola do Amor” , que vai ao ar todos os sábados, ao meio-dia, na Record TV.


Por que casais perfeitos geram casamentos fracassados?
  • Núbia Onara / Foto: Getty Images 


reportar erro