Rede aleluia

Notícias | 10 de julho de 2016 - 03:05


Pentatlo moderno: uma das grandes chances de medalha

A atleta brasileira Yane Marques é uma das favoritas ao ouro na Olimpíada

O pentatlo moderno é uma modalidade olímpica pouco divulgada pela mídia, mas há grandes chances de o Brasil ganhar uma medalha nesse esporte. A modalidade deu ao País a medalha de bronze em Londres 2012, com a pernambucana Yane Marques. (foto ao lado) Para a Olimpíada do Rio, os brasileiros contarão com mais um reforço na equipe: o pernambucano Felipe Nascimento, de 22 anos.

O esporte exige muita preparação física do atleta e é dividido em cinco atividades: prova com cavalos, duelo com pistolas de fogo, duelo com espada, nado e corrida. Em um único dia, os atletas encaram as cinco provas e vence aquele que cruzar a linha de chegada primeiro.

A revelação de que Felipe também vai representar o Brasil nos Jogos Rio 2016 veio emum momento em que a União Internacional de Pentatlo Moderno (UIPM) está definindo os últimos nomes da modalidade para a Olimpíada. “Essa vaga veio como reflexo de muita força de vontade, paciência e dedicação, mas ninguém consegue nada sozinho. Várias pessoas me ajudaram nesse processo”, relata Felipe.

Com o mesmo empenho Yane Marques detém o status de favorita ao ouro e tem trabalhado fortemente para a Olimpíada do Rio. Para vencer o pentatlo não é necessário apenas ser craque nas cinco provas, mas fortalecer o aspecto psicológico. “Faço acompanhamento psicoterapêutico há muito tempo, para controlar pensamentos e entender que a pressão tem que ser revertida de forma positiva”, diz.

O pentatlo moderno nos Jogos do Rio 2016 terá 72 competidores, divididos igualmente entre homens e mulheres, e contará apenas com disputas individuais. As provas vão acontecer nos dias 18, 19 e 20 de agosto, no Parque Olímpico de Deodoro.


  • Por Michele Francisco / Foto: Folhapress 



reportar erro