Rede aleluia
Os ladrões: o 6º grupo de pessoas perversas e incrédulas
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCaraguatatubaCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 1 de Dezembro de 2021 - 17:19


Os ladrões: o 6º grupo de pessoas perversas e incrédulas

Acompanhe a mensagem e entenda quem está enquadrado neste grupo

Os ladrões: o 6º grupo de pessoas perversas e incrédulas

Durante o programa  “Obreiros em Foco”, o Bispo Júlio Freitas fez um alerta a todos que estão enquadrados em um dos 7 grupos de pessoas perversas e incrédulas, a respeitos das quais o Senhor Jesus afirma que se caracterizam por se recusarem a se arrepender de seus pecados.

Se você não acompanhou os cinco primeiros, clique aqui e conheça.

O 6º grupo são os ladrões. O Bispo Júlio explica que ser ladrão abrange muito mais do que aqueles que roubam a mão armada, por exemplo. Pois, há quem roube, inclusive, a Deus, tirando dEle o primeiro lugar. “Há pessoas que roubam a Deus nas primícias, não atribuem a Ele a honra, a glória, o seu cuidado, a sua provisão”.

Além disso, o Bispo destaca que há aqueles que roubam com mentiras, por meio de corrupção, não necessariamente tirando algo à força de alguém, mas roubam com palavras.

Porém, saiba que mesmo que você faça parte desse grupo de pessoas, ainda há chance para você obter o perdão de Deus e alcançar a Salvação. Pois, Deus não condena o ladrão e sim o roubo.

“Mas, para que Ele possa lhe perdoar e lhe salvar, é necessário que você se arrependa. Então, pare de errar, abandone esse erro e se volte para Deus. Pois, fazendo isso o Espírito Santo vai lhe possuir e fazer de você um instrumento nas mãos de Deus”, orienta o Bispo Júlio.

Acompanhe o 6º vídeo da série:

Os ladrões: o 6º grupo de pessoas perversas e incrédulas
  • Jeane vidal / Foto: Istock 


reportar erro