Rede aleluia
Mais de 300 pessoas sem abrigo recebem apoio em regiões de Portugal
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 4 de setembro de 2020 - 14:23


Mais de 300 pessoas sem abrigo recebem apoio em regiões de Portugal

Ação prestou socorro físico e espiritual. Saiba mais

Mais de 300 pessoas sem abrigo recebem apoio em regiões de Portugal

Um levantamento realizado pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) mostrou que, em quatro anos, o número de pessoas sem-abrigo em Portugal subiu 157%.

Sabendo desse triste índice e para ir de encontro com essa realidade, recentemente, dezenas de voluntários do grupo Anjos da Noite de Portugal se reuniram para promover mais uma ação com o objetivo de prestar socorro físico e, sobretudo, espiritual às pessoas que passam por dificuldades.

Desta vez, o grupo visitou três regiões. Entre elas, Cacém, cidade de Algualva-Cacém, em Sintra; Baixa da Banheira, vila portuguesa no Distrito de Setúbal, região de Lisboa, e Cruz de Pau, um dos principais lugares da freguesia e cidade de Amora, também em Setúbal.

Leia também: Conforto aos apenados de unidade prisional de Coimbrã, em Portugal

Na oportunidade, mais de 300 pessoas que se encontram sem abrigo e com carência de ajuda foram amparadas pelo grupo. Na oportunidade, foram distribuídas refeições. Além do alimento físico necessário, os voluntários ofereceram uma palavra de fé e motivação, proporcionando ânimo e disposição a essas pessoas que se sentem abandonadas.

Ajuda intensificada

Apesar do trabalho dos Anjos da Noite já acontecer todas as terças e quintas-feiras, os voluntários têm se empenhado para intensificar toda a ajuda. Segundo o Pastor Francisco Silva, responsável pelo grupo Universal nos Presídios (UNP)/Unisocial e que está à frente de diversas ações como essa, o trabalho dos grupos tem tomado uma força maior a cada dia, com o objetivo de suprir a necessidade dos que precisam de ajuda num momento tão difícil de suas vidas.

Para saber mais sobre as ações que a Universal realiza em todo o mundo, clique aqui.

Você também pode se tornar um voluntário. Localize aqui o endereço de uma igreja mais próxima e se informe com o pastor.


Mais de 300 pessoas sem abrigo recebem apoio em regiões de Portugal
  • Débora Picelli / Fotos: Cedidas pelo grupo Anjos da Noite Portugal 


reportar erro