Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 23 de março de 2020 - 10:44


Aliança de amparo à Casa de Deus: participe deste propósito de fé

Apesar de não acontecerem cultos presenciais na Igreja, você precisa manter a sua aliança com o Altíssimo

Na Bíblia, por diversas vezes, o povo de Israel deu as costas para Deus. Só para ilustrar, certa vez, por meio do profeta Jeremias, o Altíssimo disse: “E viraram-Me as costas, e não o rosto; ainda que Eu os ensinava, madrugando e ensinando-os, contudo eles não deram ouvidos, para receberem o ensino.” Jeremias 32:33

Esse comportamento infiel fez com que consequências terríveis viessem sobre Israel. Porque Deus Se ausentou do Seu povo. Por exemplo, as dez tribos que viviam no norte foram atacadas pelos assírios. E as duas tribos do sul ficaram cativas na Babilônia durante 70 anos.

“Ao longo da história do povo de Israel, nós vemos um padrão. Toda vez que o povo honrava a Casa de Deus, a nação prosperava. Mas, toda vez que o povo abandonava o Templo, desprezava a Casa de Deus, e corriam atrás da própria casa, a nação afundava. Vinha a miséria, vinham os inimigos, vinha a destruição. Isso é um fato bíblico”, observou o Bispo Renato Cardoso, durante a reunião “Encontro com Deus“, realizado por transmissão em tempo real, no dia 22 de março.

Deus é fiel com os que são fiéis

Entretanto, o oposto também é verdadeiro. Para aqueles que permanecem fiéis ao Senhor, Ele mantém a Sua aliança. É como em um casamento.

“Há uma aliança inquebrável entre o povo que cuida da Casa de Deus e o cuidado que Deus tem com esse povo. Então, nós estamos vivendo dias em que as portas da Casa de Deus foram fechadas por decretos. A Igreja é a porta dos Céus na Terra. É onde as pessoas recorrem ao acolhimento de Deus. Então, se alguém quer prosperar tem de ter esse zelo pela Casa de Deus”, acrescentou o Bispo Renato.

Aliança de amparo à Casa de Deus

É por este motivo que ao longo do período de isolamento do coronavírus (ou Covid-19), apesar de não acontecerem cultos presenciais na Igreja, você precisa manter a sua aliança com o Altíssimo. É necessário manifestar a fé mais do que antes, para que Deus seja honrado.

Então, em toda a Universal, está acontecendo um propósito de fé especial: “Aliança de amparo à Casa de Deus”. Para participar, você apresentará no Altar algo a mais do que já tem apresentado entre os dízimos e as ofertas. E Deus não vai lhe desamparar, por causa da sua fé.

Como se apresentar no Altar?

Durante esse período em que as Igrejas estão fechadas por causa de um decreto, há três maneiras de você apresentar o seu mantimento à Casa de Deus:

1) É possível entregar pessoalmente para o Bispo ou Pastor da localidade em que você frequenta (consulte o endereço aqui). Na esplanada do Templo de Salomão, por exemplo, há um gazofilácio.

2) Realizar uma transferência bancária para os seguintes dados:

3) Utilizar a plataforma de doações oficial da Universal, que é um ambiente totalmente seguro. Basta preencher as informações solicitadas.

Assista ao vídeo abaixo:

Fique por dentro

Além disso, acompanhe de perto a programação da Universal pela televisão (21, CNT e Rede Família), pelo Univer Vídeo, pelas redes sociais (FacebookInstagram e Youtube) e pela Rede Aleluia de rádio. Todas as atualizações sobre a Igreja podem ser acompanhadas pelo Portal Universal.org.


  • Daniel Cruz / Foto: Reprodução 


reportar erro