Rede aleluia

Notícias | 19 de maio de 2019 - 00:05


A importância de aprender o que é o amor inteligente

Voluntários levaram os ensinamentos a uma unidade socioeducativa de São Paulo

No feriado de 1º de maio, Dia do Trabalho, as unidades de ressocialização de menores em conflito com a lei em todo o País receberam a visita dos voluntários do grupo Universal Socioeducativo (USE). Eles também visitaram a unidade feminina Chiquinha Gonzaga, localizada no bairro da Mooca, zona leste paulistana, que recebeu a visita do Pastor Ulisses Gomes, coordenador nacional do projeto, e de sua esposa, Renata.

Na ocasião, as jovens assistiram a uma palestra do Projeto Namoro Blindado, que foi conduzida pelo Pastor Walber Barboza e por sua esposa, Patrícia. O casal está à frente do Namoro Blindado nas Escolas, uma iniciativa que já alcançou mais de 360 escolas em todo o Brasil.

Ao todo, 138 meninas participaram do encontro e cerca de 150 exemplares do livro Namoro Blindado foram doados para as menores e também para as agentes. Antes da palestra, foi exibido um recado dos autores da obra, Renato e Cristiane Cardoso.

Importância

Muitas jovens são seduzidas pela criminalidade por conta de uma vida sentimental vulnerável. Decepções e relacionamentos frustrados, traumas, tentativas e abusos sexuais figuram na lista de situações que levam muitas garotas a desacreditar da felicidade amorosa.

O próprio Pastor Ulisses comenta essa realidade e reitera a média altíssima de jovens privadas de liberdade que foram abusadas sexualmente ainda na infância. “Com isso, elas acabam enxergando a vida sentimental como algo que lhes traz dor.”

Todos esses pontos ajudam a entender a importância de levar para elas uma palestra com ensinamentos que, de forma interessante e inteligente, ajudam a lidar com os sentimentos. Por isso, o Pastor Ulisses enxerga a visita como uma oportunidade e diz que ela é fortalecida com as palestras e o trabalho do grupo nas unidades.

Força-tarefa
Já o Pastor Walber salienta que a adolescência é uma fase cercada “de muitos medos, dúvidas e conflitos emocionais”. Ele diz que levar às adolescentes a informação de que as escolhas sentimentais não devem ser baseadas na emoção é um ensinamento fundamental.

“Falamos do amor inteligente, sobre a autovalorização, a questão de elas terem um objetivo na vida, de sonhar e de voltar a acreditar em si mesmas. Mostramos a importância de se valorizar antes de estar em um relacionamento e de não começar uma relação apenas por carência ou por solidão”, finaliza.

*Colaborou: Universal Socioeducativo


  • Flavia Francellino* / Fotos: Cedidas 



reportar erro