O trabalho do Sacerdote e do Sumo Sacerdote

Por Eduardo Prestes/ Fotos: Demetrio Koch

Quem chega ao Templo de Salomão para visitá-lo ou para participar das reuniões que acontecem lá costuma guardar muitas lembranças depois da visita. Além da grandeza do Santuário, que sempre impacta a visão daqueles que o visitam pela primeira vez ou de quem costuma frequentar o local, há também as recordações em relação aos ensinamentos e aos trajes dos Sacerdotes e do Sumo Sacerdote, homens que recebem os visitantes e os acompanham durante o Passeio Bíblico.

A vestimenta completa

Vestidos a caráter, com seus turbantes brancos, chamados de mitra, eles também levam na cabeça uma lâmina dourada na qual está gravada a inscrição “Santidade ao Senhor”, lembrança permanente da aliança Divina com o povo israelita. Eles trajam túnicas brancas e um manto de cor azul que traz em sua borda pequenos sinos dourados e enfeites em formato de romã. Por cima deste está o éfode, tecido nas cores púrpura, dourado e carmesim, no qual era fixado o peitoral com as 12 pedras que representam as tribos de Israel.


O traje do Sumo Sacerdote, além dessas peças, é completado por uma faixa de linho e lã. A vestimenta, devidamente ajustada ao corpo, era utilizada no passado por aquele que tinha sido escolhido para servir a Deus e representar Seu povo.

No Santuário

Hoje, no Templo de Salomão, esses homens vestem-se da mesma forma para lembrar os antigos Sumos Sacerdotes. Os Sacerdotes devidamente trajados conduzem os grupos de até 40 pessoas no passeio que acontece pelo Jardim Bíblico. Dentro do Templo, durante as reuniões e palestras, eles também estão habilitados para orar pelos visitantes e membros da Universal, pois todos são pastores.

Os ensinamentos

Para o Sacerdote Luan Vilvert, usar as vestimentas bíblicas ajuda a transportar os visitantes ao passado. “Os Sacerdotes tinham uma vestimenta diferenciada, pois eram os representantes de Deus no meio das tribos de Israel e da Lei no Tabernáculo. Os Sacerdotes eram pessoas separadas para levar à população a prática da fé. O povo precisava de ‘professores’ que os ensinasse a Lei e a aliança com Deus. No Passeio Bíblico, todos conseguem entender essa prática de renúncia”, explica.

Fé inteligente

Na opinião de Vilvert, hoje, o trabalho dos Sacerdotes é levar as pessoas a entenderem a mensagem da fé inteligente e da santidade moral e espiritual. “Por meio do Passeio Bíblico, fazemos todos caminharem sobre as Escrituras Sagradas e falamos da vontade de Deus, transmitida de geração em geração. Como o Passeio acontece todos os dias, durante o dia inteiro, nós ficamos focados nesse trabalho e no seu desenvolvimento, mas, quando ocorrem cerimônias no Templo, nós auxiliamos no atendimento à demanda de fiéis. Recentemente, visitamos diversos Estados do Brasil e alguns países para realizar a divulgação do Jardim Bíblico e do Templo de Salomão”, conta.

Grande procura

De acordo com o Sacerdote, mais de 5 mil pessoas realizam o Passeio Bíblico mensalmente. “O Passeio dura 1h15. Atendemos desde grandes grupos até pequenas famílias. Recebemos caravanas de vários Estados brasileiros e também de outros países. além de pessoas que vêm ao Templo e desejam conhecer um pouco mais dessa fé. Falamos do Antigo Testamento e explicamos como se faz uma Aliança com Deus nos dias de hoje”, diz.


Aberto a todos

Vilvert afirma que o Templo recebe todos os tipos de público desde a sua inauguração. “Desde uma pessoa formada em Teologia até quem não tem nenhum entendimento da fé. Todas elas, sem exceção, ficam deslumbradas com a arquitetura, mas o que mais as atrai são as explicações fornecidas e a atenção que recebem. Os visitantes costumam comentar que uma das partes que mais chamam sua atenção é quando falamos do sacrifício e como o ofertante tirava a vida da oferta, um ‘cordeiro perfeito’. Outro destaque é quando lhes mostramos a Arca da Aliança”, lembra.

Como participar

O Passeio Bíblico acontece todos os dias, de hora em hora, das 9h às 11h e das 14h às 18h. Quem for ao local pode adquirir a credencial, na tenda que fica localizada na Esplanada do Templo de Salomão. É possível agendar a visita pelo site jardimbiblico.com, pelo e-mail info@otemplodesalomao.com, pelo telefone (11) 3573-3535 ou ainda enviando uma mensagem para o WhatsApp (11) 95244-7461.

ler mais
Reportar erro

comentários

Carregar mais

Comunicar Erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente

Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach e Eliana Caetano

Editora de Conteúdo Web:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Maria do Rosário, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone: (11) 3321-5244

Endereço: Rua dos Missionários, 139, Santo Amaro - São Paulo (SP)

Cep: 04729-000