O segredo para ser um conquistador

Por Andre Batista / Imagens: Thinkstock e Reprodução Youtube

O que você faria se falhasse e visse a melhor oportunidade de sua vida ir embora? Como reagiria se, por um acidente, seus sonhos escapassem diante de seus olhos? A corredora Audrey Smoot, no meio da pista de atletismo e diante de centenas de pessoas, teve uma reação surpreendente. Assista ao vídeo abaixo e descubra qual.

Ao cair na pista Audrey tinha três opções:

  • A primeira delas era permanecer no chão, sem coragem de se levantar e tentar novamente;
  • A segunda seria se erguer tentar voltar à corrida, mas, ao perceber a grande distância entre ela e as três primeiras competidoras, desistir, acreditando ser impossível vencer;
  • A terceira, escolhida por ela, lutar até o fim.


A jovem corredora, mesmo quando suas adversárias estavam a centímetros da linha de chegada, buscou seu objetivo. O resultado é que, naquela prova, ela conquistou a melhor marca de sua carreira: 1:39.59, sendo 64 segundos mais rápida do que seu próprio recorde pessoal. Mais do que isso, ela fez o segundo melhor tempo da história da Universidade de Indiana (Estados Unidos). Universidade essa fundada em 1820. Essa corrida aconteceu em 2 de março de 2008 e, até hoje, Audrey detém a posição de 2ª mais rápida nos 600 metros livres.

E você, como tem reagido às quedas?

Não existe uma pessoa vitoriosa que nunca tenha caído. Conforme nos lembra o bispo Edson Costa, em vídeo publicado recentemente, “se você pegar todos os grandes exemplos, você vai ver que eles tinham 1001 motivos para desistir, 1001 motivos para parar na metade do caminho e desistir. Mas eles escolheram continuar lutando. Nunca pare de lutar”.

Foi dessa maneira que essas pessoas se tornaram vencedoras: Abraão, Davi, Noé e tantos outros. Todos poderiam ter aceitado a palavra “impossível”, mas não fizeram isso. E esse é o exemplo que deve ser seguido por todas as pessoas que querem ser vitoriosas.

“Nunca pare de lutar, de plantar, de trabalhar, de correr atrás dos seus sonhos porque, meu amigo, isso torna-se vício. Quando uma pessoa começa uma coisa e para na metade ela fica viciada em desistir. E quando ela começa uma coisa e vai até o fim ela fica viciada em lutar, ela nunca para”, afirma o bispo Edson.

Evidentemente não é fácil seguir lutando. Dá trabalho, causa dores, passa a impressão de que é impossível se levantar de novo. Muitas vezes a pessoa acredita que está perdida e, quase sempre isso é verdade: ela está perdida. Mas aí é que está o segredo da vitória: buscar um caminho em Quem conhece todas as coisas: Deus.

“Toda vez que você pedir para Deus mudar a sua vida, Ele não vai mudar. Ele vai lhe dar uma palavra que vai te direcionar para um novo rumo e esse novo rumo é que vai mudar a sua vida”, explica o bispo Edson.

Você quer receber ensinamentos como esse e, finalmente encontrar o rumo de sua vida, levantar e seguir lutando até a vitória? Então participe do Congresso para o Sucesso com os 318 pastores, nesta segunda-feira.

Em São Paulo, ele acontece às 7h, 10h, 12h, 15h, 18h30 e 22h, no Templo de Salomão, na avenida Celso Garcia, 605, no bairro do Brás, zona leste da capital paulista ou procure uma Universal mais próxima de você e se informe com um pastor.

ler mais
Reportar erro

comentários

Carregar mais

Comunicar Erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente