eb3c52f78ce3362254213324871c7984 Leia a Bíblia em 1 ano - 164º dia - Universal.org

Leia a Bíblia em 1 ano - 164º dia

Da Redação

“O meu povo está sendo destruído, porque lhe falta o conhecimento...” Oséias 4.6

Conhecer a Bíblia é muito importante para todos nós, especialmente nos momentos mais difíceis de nossas vidas, pois Deus fala conosco por meio de Sua Palavra. O Espírito Santo nos conduz, nos orienta, e quando passamos por tribulações, Ele nos faz lembrar do que está escrito na Bíblia, de uma Palavra de Deus que nos conforte. Mas só nos lembraremos se tivermos conhecimento Dela.

Por isso, elaboramos um plano para que você leia a Bíblia em 1 ano. Se você ainda não começou, clique aqui e comece agora, não deixe para amanhã. Você verá o quanto isso transformará a sua vida.

Se você já está nesse propósito, acompanhe a leitura de hoje:

Deuteronômio 18

1. Os sacerdotes levitas, toda a tribo de Levi, não terão parte nem herança com Israel; das ofertas queimadas do Senhor e da sua herança comerão.

2. Por isso não terão herança no meio de seus irmãos; o Senhor é a sua herança, como lhes tem dito.

3. Este, pois, será o direito dos sacerdotes, a receber do povo, dos que oferecerem sacrifício, seja boi ou gado miúdo; que darão ao sacerdote a espádua e as queixadas e o bucho.

4. Dar-lhe-ás as primícias do teu grão, do teu mosto e do teu azeite, e as primícias da tosquia das tuas ovelhas.

5. Porque o Senhor teu Deus o escolheu de todas as tuas tribos, para que assista e sirva no nome do Senhor, ele e seus filhos, todos os dias.

6. E, quando chegar um levita de alguma das tuas portas, de todo o Israel, onde habitar; e vier com todo o desejo da sua alma ao lugar que o Senhor escolheu;

7. E servir no nome do Senhor seu Deus, como também todos os seus irmãos, os levitas, que assistem ali perante o Senhor,

8. Igual porção comerão, além das vendas do seu patrimônio.

9. Quando entrares na terra que o Senhor teu Deus te der, não aprenderás a fazer conforme as abominações daquelas nações.

10. Entre ti não se achará quem faça passar pelo fogo a seu filho ou a sua filha, nem adivinhador, nem prognosticador, nem agoureiro, nem feiticeiro;

11. Nem encantador, nem quem consulte a um espírito adivinhador, nem mágico, nem quem consulte os mortos;

12. Pois todo aquele que faz tal coisa é abominação ao Senhor; e por estas abominações o Senhor teu Deus os lança fora de diante de ti.

13. Perfeito serás, como o Senhor teu Deus.

14. Porque estas nações, que hás de possuir, ouvem os prognosticadores e os adivinhadores; porém a ti o Senhor teu Deus não permitiu tal coisa.

15. O Senhor teu Deus te levantará um profeta do meio de ti, de teus irmãos, como eu; a ele ouvireis;

16. Conforme a tudo o que pediste ao Senhor teu Deus em Horebe, no dia da assembléia, dizendo: Não ouvirei mais a voz do Senhor teu Deus, nem mais verei este grande fogo, para que não morra.

17. Então o Senhor me disse: Falaram bem naquilo que disseram.

18. Eis lhes suscitarei um profeta do meio de seus irmãos, como tu, e porei as minhas palavras na sua boca, e ele lhes falará tudo o que eu lhe ordenar.

19. E será que qualquer que não ouvir as minhas palavras, que ele falar em meu nome, eu o requererei dele.

20. Porém o profeta que tiver a presunção de falar alguma palavra em meu nome, que eu não lhe tenha mandado falar, ou o que falar em nome de outros deuses, esse profeta morrerá.

21. E, se disseres no teu coração: Como conhecerei a palavra que o Senhor não falou?

22. Quando o profeta falar em nome do Senhor, e essa palavra não se cumprir, nem suceder assim; esta é palavra que o Senhor não falou; com soberba a falou aquele profeta; não tenhas temor dele.

Salmos 105

1. Louvai ao Senhor, e invocai o seu nome; fazei conhecidas as suas obras entre os povos.

2. Cantai-lhe, cantai-lhe salmos; falai de todas as suas maravilhas.

3. Gloriai-vos no seu santo nome; alegrese o coração daqueles que buscam ao Senhor.

4. Buscai ao Senhor e a sua força; buscai a sua face continuamente.

5. Lembrai-vos das maravilhas que fez, dos seus prodígios e dos juízos da sua boca;

6. Vós, semente de Abraão, seu servo, vós, filhos de Jacó, seus escolhidos.

7. E l e é o Senhor nosso Deus; os seus juízos estão em toda a terra.

8. Lembrou-se da sua aliança para sempre, da palavra que mandou a milhares de gerações.

9. A qual aliança fez com Abraão, e o seu juramento a Isaque.

10. E confirmou o mesmo a Jacó por lei, e a Israel por aliança eterna,

11. Dizendo: A ti darei a terra de Canaã, a região da vossa herança.

12. Quando eram poucos homens em número, sim, mui poucos, e estrangeiros nela;

13. Quando andavam de nação em nação e dum reino para outro povo;

14. Não permitiu a ninguém que os oprimisse, e por amor deles repreendeu a reis, dizendo:

15. Não toqueis os meus ungidos, e não maltrateis os meus profetas.

16. Chamou a fome sobre a terra, quebrantou todo o sustento do pão.

17. Mandou perante eles um homem, José, que foi vendido por escravo;

18. Cujos pés apertaram com grilhões; foi posto em ferros;

19. Até ao tempo em que chegou a sua palavra; a palavra do Senhor o provou.

20. Mandou o rei, e o fez soltar; o governador dos povos, e o soltou.

21. Fê-lo senhor da sua casa, e governador de toda a sua fazenda;

22. Para sujeitar os seus príncipes a seu gosto, e instruir os seus anciãos.

23. Então Israel entrou no Egito, e Jacó peregrinou na terra de Cão.

24. E aumentou o seu povo em grande maneira, e o fez mais poderoso do que os seus inimigos.

25. Virou o coração deles para que odiassem o seu povo, para que tratassem astutamente aos seus servos.

26. Enviou Moisés, seu servo, e Arão, a quem escolhera.

27. Mostraram entre eles os seus sinais e prodígios, na terra de Cão.

28. Mandou trevas, e a fez escurecer; e não foram rebeldes à sua palavra.

29. Converteu as suas águas em sangue, e matou os seus peixes.

30. A sua terra produziu rãs em abundância, até nas câmaras dos seus reis.

31. Falou ele, e vieram enxames de moscas e piolhos em todo o seu termo.

32. Converteu as suas chuvas em saraiva, e fogo abrasador na sua terra.

33. Feriu as suas vinhas e os seus figueirais, e quebrou as árvores dos seus termos.

34. Falou ele e vieram gafanhotos e pulgão sem número.

35. E comeram toda a erva da sua terra, e devoraram o fruto dos seus campos.

36. Feriu também a todos os primogênitos da sua terra, as primícias de todas as suas forças.

37. E tirou-os para fora com prata e ouro, e entre as suas tribos não houve um só fraco.

38. O Egito se alegrou quando eles saíram, porque o seu temor caíra sobre eles.

39. Estendeu uma nuvem por coberta, e um fogo para iluminar de noite.

40. Oraram, e ele fez vir codornizes, e os fartou de pão do céu.

41. Abriu a penha, e dela correram águas; correram pelos lugares secos, como um rio.

42. Porque se lembrou da sua santa palavra, e de Abraão, seu servo.

43. E tirou dali o seu povo com alegria, e os seus escolhidos com regozijo.

44. E deu-lhes as terras dos gentios; e herdaram o trabalho dos povos;

45. Para que guardassem os seus preceitos, e observassem as suas leis. Louvai ao Senhor.

Isaías 45

1. Assim diz o Senhor ao seu ungido, a Ciro, a quem tomo pela mão direita, para abater as nações diante de sua face, e descingir os lombos dos reis, para abrir diante dele as portas, e as portas não se fecharão.

2. Eu irei adiante de ti, e endireitarei os caminhos tortuosos; quebrarei as portas de bronze, e despedaçarei os ferrolhos de ferro.

3. Dar-te-ei os tesouros escondidos, e as riquezas encobertas, para que saibas que eu sou o Senhor, o Deus de Israel, que te chama pelo teu nome.

4. Por amor de meu servo Jacó, e de Israel, meu eleito, eu te chamei pelo teu nome, pus o teu sobrenome, ainda que não me conhecesses.

5. Eu sou o Senhor, e não há outro; fora de mim não Deus; eu te cingirei, ainda que tu não me conheças;

6. Para que se saiba desde o nascente do sol, e desde o poente, que fora de mim não outro; eu sou o Senhor, e não outro.

7. Eu formo a luz, e crio as trevas; eu faço a paz, e crio o mal; eu, o Senhor, faço todas estas coisas.

8. Destilai, ó céus, dessas alturas, e as nuvens chovam justiça; abra-se a terra, e produza a salvação, e ao mesmo tempo frutifique a justiça; eu, o Senhor, as criei.

9. Ai daquele que contende com o seu Criador! o caco entre outros cacos de barro! Porventura dirá o barro ao que o formou: Que fazes? ou a tua obra: Não tens mãos?

10. Ai daquele que diz ao pai: Que é o que geras? E à mulher: Que dás tu à luz?

11. Assim diz o Senhor, o Santo de Israel, aquele que o formou: Perguntai-me as coisas futuras; demandai-me acerca de meus filhos, e acerca da obra das minhas mãos.

12. Eu fiz a terra, e criei nela o homem; eu o fiz; as minhas mãos estenderam os céus, e a todos os seus exércitos dei as minhas ordens.

13. Eu o despertei em justiça, e todos os seus caminhos endireitarei; ele edificará a minha cidade, e soltará os meus cativos, não por preço nem por presente, diz o Senhor dos Exércitos.

14. Assim diz o Senhor: O trabalho do Egito, e o comércio dos etíopes e dos sabeus, homens de alta estatura, passarão para ti, e serão teus; irão atrás de ti, virão em grilhões, e diante de ti se prostrarão; far-te-ão as suas súplicas, dizendo: Deveras Deus está em ti, e não há nenhum outro Deus.

15. Verdadeiramente tu és o Deus que te ocultas, o Deus de Israel, o Salvador.

16. Envergonhar-se-ão, e também se confundirão todos; cairão juntamente na afronta os que fabricam imagens.

17. Porém Israel é salvo pelo Senhor, com uma eterna salvação; por isso não sereis envergonhados nem confundidos em toda a eternidade.

18. Porque assim diz o Senhor que tem criado os céus, o Deus que formou a terra, e a fez; ele a confirmou, não a criou vazia, mas a formou para que fosse habitada: Eu sou o Senhor e não outro.

19. Não falei em segredo, nem em lugar algum escuro da terra; não disse à descendência de Jacó: Buscai-me em vão; eu sou o Senhor, que falo a justiça, e anuncio coisas retas.

20. Congregai-vos, e vinde; chegai-vos juntos, os que escapastes das nações; nada sabem os que conduzem em procissão as suas imagens de escultura, feitas de madeira, e rogam a um deus que não pode salvar.

21Anunciai, e chegai-vos, e tomai conselho todos juntos; quem fez ouvir isto desde a antiguidade? Quem desde então o anunciou? Porventura não sou eu, o Senhor? Pois não outro Deus senão eu; Deus justo e Salvador não além de mim.

22. Olhai para mim, e sereis salvos, vós, todos os termos da terra; porque eu sou Deus, e não outro.

23. Por mim mesmo tenho jurado, saiu da minha boca a palavra de justiça, e não tornará atrás; que diante de mim se dobrará todo o joelho, e por mim jurará toda a língua.

24. De mim se dirá: Deveras no Senhor justiça e força; até ele virão, mas serão envergonhados todos os que se indignarem contra ele.

25. Mas no Senhor será justificada, e se gloriará toda a descendência de Israel.

O que você aprendeu com a leitura de hoje? Deixe o seu comentário.

E não desanime. Continue firme para ler a Bíblia em 1 ano, aqui no Universal.org.

Acompanhe a leitura do 163º dia clicando aqui.

Acompanhe a leitura do 165º dia clicando aqui.

Se você ainda não começou, clique aqui e comece agora, não deixe para amanhã.

ler mais
Reportar erro

comentários

Carregar mais

Comunicar Erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente

Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach

Coordenadora de Conteúdo Web:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Michele Roza, Rafaela Dias, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone: (11) 2392-3372

Endereço: Rua João Boemer, 254 - Brás, São Paulo

Cep: 03018-000