"Esse espaço está aberto para as pessoas que querem se humilhar diante de Deus"

Por Ivonete Soares / Fotos: Demetrio Koch e Arquivo Pessoal

Há pouco mais de 19 anos, no dia 1º de fevereiro de 1998, era inaugurada a maior Catedral da Fé da Universal na ocasião, localizada no bairro de Santo Amaro, na Avenida João Dias, 1.800, zona sul da capital paulista (foto ao lado). Mais de 25 mil pessoas participaram das três reuniões realizadas ao longo do dia.

Muito tempo antes de cada encontro, o movimento já era intenso na João Dias e ruas adjacentes. Pessoas desciam a avenida a pé, chegavam em seus carros, táxis e ônibus. Para manter a segurança de todos, foi preciso uma ação especial da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) e da Polícia Militar, que contou inclusive com a ajuda de um helicóptero Águia, da corporação.

Somente na reunião da manhã, realizada pelo bispo Edir Macedo, líder e fundador da Universal, 12 mil pessoas ocuparam as dependências do novo templo, inclusive os estacionamentos, a frente e as entradas laterais.

“A Universal abre essa porta através da ação do Espírito Santo, não para dizermos que temos uma catedral, não. Esse espaço está aberto para as pessoas que querem se humilhar diante de Deus. Essa casa é, a partir de agora, um pronto-socorro para os acidentados espirituais, e tudo o que tem sido impossível de você conquistar lá fora você vai encontrar aqui, na pessoa do Senhor Jesus. Basta se humilhar diante dEle”, anunciou o bispo naquela manhã.

"Foi um dia, realmente, inesquecível”

De fato foi uma grande movimentação de fé, jamais esquecida por quem teve o privilégio de participar daquela inauguração, a exemplo da gerente comercial Heidi Dias Melo, de 37 anos (foto abaixo).


“Cheguei à Universal 2 anos antes da
inauguração da catedral. Participar dessa reunião em especial foi muito importante em minha vida. Tinha acabado de ser levantada a obreira e logo fui transferida para lá. Por muitos anos servi a Deus no Altar da João Dias, lugar inesquecível para mim. Lembro bem da expectativa para a inauguração, inclusive participei diretamente com um grupo grande de obreiros da organização do espaço, da limpeza, do qual muito me orgulho ter feito parte. Foi um dia, realmente, inesquecível”, relembra.


Já para a assistente de caravanas Cynthia da Silva Damião, de 31 anos (foto abaixo), participar daquela reunião foi fundamental em sua vida, e na de sua família; um divisor de águas no que diz respeito à vida espiritual de todos.

Apesar de bem jovem — ela só tinha 12 anos na ocasião —, Cynthia participou com a família e, garante, foi um momento muito esperado por eles.

“Tínhamos acabado de conhecer a Universal, tudo era novo para nós, chegamos à Igreja em setembro de 1997, ali na Promotor (Rua Promotor Gabriel Netuzzi Perez, também em Santo Amaro). A catedral já estava sendo construída e não víamos a hora de ficar pronta. Nesse dia da inauguração, o que mais me marcou foi a quantidade de pessoas que estavam lá em busca de conhecer a Deus. Eu estava em fase de libertação. Via vultos, ouvia vozes, tinha medo de morrer, dores de cabeça constantes. A minha vida era um caos espiritual”, revela.

Tudo naquele dia foi especial para Cynthia:

“A palavra dada pelo bispo Macedo nos encorajando, sem contar a felicidade que ele transmitia naquele dia. Era contagiante. Eu queria ter aquela mesma alegria, foi algo glorioso. E assim, de lá para cá, permaneci firme na fé. Entrei para o grupo jovem da Igreja, em que encontrei obreiros e pessoas que me trataram com amor e muito ajudaram na minha libertação. No ano de 2002, fui levantada a obreira e até hoje estou na João Dias, no mesmo lugar onde tudo começou.”


O templo

A Catedral da João Dias, como é chamada até hoje, possui amplas instalações e uma estrutura arquitetônica que chama atenção pela grandiosidade e beleza.

As reuniões acontecem diariamente, em diversos horários. O atual responsável pela sede é o bispo Júlio Freitas.

Participe dos encontros. Se essa catedral fica distante para você, participe em uma igreja mais próxima de sua casa.

ler mais
Reportar erro

comentários

Carregar mais

Comunicar Erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente