A volta do Senhor

Por bispo Edir Macedo (*) / Foto: Thinkstock

Consideramos a Segunda Vinda do Senhor e a morte como fatos inquestionáveis, pois sabemos que todos participarão de um ou de outro, mais cedo ou mais tarde. Essa evidência traz a necessidade de a humanidade estar preparada.

A Volta do Senhor, certamente, terá estrondoso impacto em todo o planeta e, diante desse tsunami espiritual que varrerá a Terra, o pânico tomará conta das sociedades mundiais.

Imagine o desaparecimento repentino de todos os nascidos do Espírito Santo em todo o mundo. E o que dizer do sumiço repentino de todas as crianças inocentes? Qual será a reação dos pais quando não as encontrarem? Diferentes instituições, como maternidades, escolas, hospitais, repartições públicas e igrejas, estarão vivendo um verdadeiro caos.

Por longo tempo, a humanidade ficará perplexa e perdida em conjecturas e interrogações. Todos os meios de comunicação se ocuparão em contar histórias, atribuindo os estranhos fatos a seres extraterrestres ou a discos voadores.

No mundo religioso, o desespero não será menor: angústia absoluta se apossará de todos, especialmente daqueles que pensavam estar em dia com a fé cristã.

Por certo os mais surpreendidos na Volta do Senhor estarão entre os nascidos da carne, porque viveram um cristianismo de aparência. E, apesar de acreditarem em Deus, e de frequentarem igrejas, ainda assim os seus compromissos de fé foram apenas com a igreja terrena, não com a espiritual.

Esses serão deixados para trás. Os nascidos da carne serão surpreendidos como ocorreu na Parábola das Dez Virgens, conforme Mateus 25.1-13. O Senhor Jesus toma como exemplo cinco virgens néscias que ficaram de fora das bodas na volta do Noivo. Era preciso manter a chama acesa da lâmpada às 24 horas do dia (Levítico 24.2; Êxodo 27.20).

A lâmpada acesa continuamente simbolizava a presença de Deus. Semelhantemente, os cristãos precisam exercitar a fé para se manterem em comunhão com o Senhor, em dependência constante do Espírito de Deus.

O lamentável é que os nascidos da carne salvaram a própria pele durante as pequenas tribulações do dia a dia. Mas não abriram mão da sua satisfação pessoal, não renunciaram às suas concupiscências em benefício do ganho espiritual.

Na Volta do Senhor Jesus, eles se lamentarão por terem sido deixados para trás porque terão que enfrentar o período da Grande Tribulação, sob o domínio do anticristo. E o pior é que não poderão contar com a presença do Espírito Santo para os guiar, orientar e confortar. Cuide para estar pronto na Vinda do Senhor.

Participe da "Noite do Noivo", todas as quartas-feiras, às 20h, em um templo da Universal mais perto de você e prepare-se para esse grande dia.

ler mais
Reportar erro

comentários

Carregar mais

Comunicar Erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente