Rede aleluia

Godllywood - Girls | 10 de outubro de 2019 - 00:00


Tornando-se filha do Pai

Seus dias na escola não têm sido fáceis? Você tem sofrido bullying por causa da sua fé e do seu comportamento diferenciado? Tem sido difícil para você resistir a tantos convites, tantas tentações e perseguições? Não fique triste, não se angustie e nem se culpe por surgir em seu peito certos sentimentos, que na sua idade até são normais. O importante é você resistir e não se dobrar diante das tentações. Sei que as vezes você fica com raiva daqueles que lhe perseguem, fazem comentários e até dão risada, mas saiba que você não está sozinha, o Senhor Jesus está com você, Ele vê tudo isso e lhe ajuda a resistir.

Ele mesmo nos deixou um belo ensinamento sobre o que fazer quando nossa vontade é revidar, esbravejar, xingar e ter ódio das pessoas que nos fazem mal, leia:

 “Vocês ouviram o que foi dito: ‘Ame o seu próximo e odeie o seu inimigo’.
Mas Eu lhes digo: Amem os seus inimigos, falem bem dos que os maldizem, façam o bem aos que os odeiam e orem por aqueles que os perseguem e maltratam; para que sejam filhos do Pai que está nos céus.”
Mateus 5:43-44

O Senhor Jesus lhe abraça quando você separa um tempo no dia, dobra seus joelhos e ora por aqueles “colegas” que têm lhe feito mal. Ele ensina que devemos fazer bem a eles, pois Deus se alegra quando pagamos o mal que nos fazem, com o bem que Ele ensina, pois quando agimos dessa forma, O Senhor Jesus disse que nos tornamos filhos do Pai que está nos céus. Veja que presente maravilhoso Ele nos dá como recompensa das nossas boas atitudes para com aqueles que nos maltratam e desprezam, principalmente se o fazem por causa da nossa fé.

Viu só amiga, vale muito a pena resistir às tentações, aos sentimentos contrários que surgem na vida de todas as meninas da sua idade, resistir a toda sorte de dificuldades, pois nunca se esqueça que você jamais estará sozinha nessa jornada, o Senhor Jesus e o Pai Amado estão prontos para lhe ouvir e fortalecer. Ore por eles!

Que Deus abençoe a todas.


  • Sandra Lages 


reportar erro