Como curar-se da malícia

Por Bianca Carturani

Não há cura para a tua ferida, a tua chaga é dolorosa. Todos os que ouvirem a tua fama baterão as palmas sobre ti; porque, sobre quem não passou continuamente a tua malícia?” Naum 3:19

Realmente, para os orgulhosos e fingidos não há cura para a malícia. Porém, para aqueles que trazem um desejo profundo de ser diferente, essa cura é real e alcançável.

A malícia tem sido um verdadeiro câncer espiritual para muitos que um dia viveram o Primeiro Amor, e não viam maldade em absolutamente nada. Essa praga, chamada malícia, é discreta e não chega de uma só vez, ela vai penetrando aos poucos e, dia após dia, se torna dona absoluta da visão dos que a nutrem em seu íntimo.

Amizades, palavras, maus testemunhos, influências de fake news, notícias e vídeos na internet, maus pensamentos, etc. Tudo isso são verdadeiras portas de entrada para a malícia que, uma vez instalada, começa a trazer novos questionamentos até que chega um momento em que você já não tem nenhum temor, respeito ou consideração por pessoas que foram usadas para lhe ajudar, curar e libertar. Tudo isso já não tem nenhuma importância, diante dos pensamentos e achismos que habitam em sua mente.

“A tua malícia te castigará, e as tuas apostasias te repreenderão; sabe, pois, e vê, que mal e quão amargo é deixares ao SENHOR teu Deus, e não teres em ti o Meu temor, diz o Senhor DEUS dos Exércitos.” Jeremias 2:19

Sem sombra de dúvida, a malícia transforma a vida dos que a trazem dentro de si. Esse sentimento é totalmente maligno. O diabo é o seu dono e responsável de plantá-la no interior das pessoas. Uma vez que ele mesmo foi possuído por ela e viu o próprio Deus com maus olhos. Por isso, sempre existirão cooperadores para esse trabalho satânico.

Se você tem sido vítima desse câncer espiritual, reaja já! Não espere, não deixe para amanhã, submeta-se ao tratamento Divino de cura, agora mesmo.

Siga a receita à risca:

“E se o Meu povo, que se chama pelo Meu Nome, se humilhar, e orar, e buscar a Minha Face e se converter dos seus maus caminhos, então Eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra.” 2 Crônicas 7:14

Se humilhar quer dizer se expor, pedir perdão para as pessoas que você via com maus olhos, tudo isso acompanhado de oração de reconhecimento do erro e de busca sincera da presença do Altíssimo.

Se converter significa deixar de cometer o erro, e isso pode implicar em romper amizades, bloquear pessoas nas redes sociais, deletar vídeos e deixar de seguir seus criadores, comprometer-se diante do Altíssimo a não voltar a nutrir a malícia. Fugir de tudo que pode lhe contaminar outra vez.

Depois de seguir esses passos, virá a tão esperada cura, você será sarado! Curado da malícia, deixará de olhar e apontar os erros alheios e terá os seus próprios perdoados.

Isso não é magnífico?

Agindo assim, você terá um coração puro como de uma criança outra vez!

ler mais
Reportar erro


Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Como curar-se da malícia

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Fake news

Você sabe de alguma notícia falsa que tem circulado na internet sobre a igreja Universal? Relate aqui o caso que iremos trazer toda a verdade no site Mitos e Verdades

Formulário de Denúncia

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach

Coordenadora de Conteúdo:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques, Rafaela Dias



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone:(11) 2392-3372

Endereço Rua João Boemer, 254 - Brás, São Paulo

Cep: 03018-000

Free WordPress Themes, Free Android Games