Na passagem do ciclone, mulher Deu à Luz em cima de árvore

Moçambicana sobreviveu à tragédia que atingiu o sudoeste africano. Universal no país segue unindo forças para ajudar os necessitados


Por Flavia Francellino / Fotos: Reprodução

O ciclone tropical Idai devastou a costa do sudoeste africano no mês de março. A tragédia provocou ao menos 900 mortes em Moçambique, Zimbábue e Malavi e deixou muita destruição. Amélia, que vive no distrito de Dombe, localizado na província de Manica, é uma das sobreviventes. Ela se agarrou aos galhos de uma mangueira para resistir à catástrofe. Em cima da árvore, a moçambicana entrou em trabalho de parto e deu à luz uma bebê. O caso foi divulgado pelo portal britânico BBC.

Um comunicado do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) divulgou como tudo aconteceu. O relato é da própria Amélia: “eu estava em casa com o meu filho de 2 anos de idade quando, de repente, a água começou a entrar em casa e eu não tive outra opção a não ser subir em uma mangueira próxima à minha casa. Então as dores começaram. Eu não tinha ninguém por perto para me ajudar. Em cima daquela árvore eu dei à luz minha filha Sara”.

Amélia disse que ela e os filhos ficaram naquela árvore por dois dias após o nascimento da criança. A ajuda veio dos vizinhos. A família foi levada para uma acomodação improvisada de Nhamhemba, em um posto administrativo do distrito. O local abriga cerca de 3 mil pessoas.

Segundo dados do Instituto Nacional de Gestão de Calamidades (INGC), só em Moçambique ocorreram 598 mortes e há 1.641 feridos. Cerca de 1,9 milhão de pessoas foram afetadas, sendo que 1 milhão são crianças, segundo dados da Organização das Nações Unidas (ONU).

A situação é preocupante. Além da fome e dos desabrigados, outra situação ganhou destaque nos últimos dias: mais de mil pessoas das áreas afetadas pela tempestade apresentaram cólera. Temendo uma epidemia, 900 mil vacinas foram enviadas ao local.

Ajuda
Diante da tragédia, “o povo da Universal está na fé”, como disse o Bispo Honorilton Gonçalves, que está à frente do trabalho da Universal no país. Ao todo, 17 igrejas foram atingidas, dentre elas a sede da Igreja em Beira, capital da província de Sofala. Mesmo com dificuldades, o trabalho da Universal não para e toneladas de alimentos e água foram distribuídos nas regiões afetadas.

ler mais
Notícias relacionadas
Reportar erro

comentários

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Na passagem do ciclone, mulher Deu à Luz em cima de árvore

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Fake news

Você sabe de alguma notícia falsa que tem circulado na internet sobre a igreja Universal? Relate aqui o caso que iremos trazer toda a verdade no site Mitos e Verdades

Formulário de Denúncia

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach

Coordenadora de Conteúdo:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques, Rafaela Dias



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone:(11) 2392-3372

Endereço Rua João Boemer, 254 - Brás, São Paulo

Cep: 03018-000

Free WordPress Themes, Free Android Games