Brigas de família levam mulheres a morar nas ruas

Voluntarias resgatam vítimas de violência doméstica.


Por Unicom / Fotos: iStock e Cedidas

Recentemente, o programa social Raabe, de amparo as mulheres vítimas de abuso ou trauma, iniciou atendimento no Centro de Acolhida Especial para Mulheres em Situação de Rua – Maria Maria, localizado na cidade de São Paulo. Muitas delas abandonam suas residências em decorrência de violência doméstica.

O Raabe está oferecendo para essas mulheres o curso “Autoconhecimento”, todas as segundas-feiras. Em seguida, as voluntárias oferecem aconselhamento individual às alunas.

Fernanda Lellis, coordenadora do Raabe, conta que o processo de resgate da autoestima não é tão simples como parece. “Algumas mulheres demoram meses para recuperar os seus valores e começar a enxergar que para ela ainda tem jeito. No curso, elas têm aprendido sobre a importância de se conhecer e de se valorizar”, explicou a coordenadora.

Na última segunda (25), as voluntárias proporcionaram às mulheres acolhidas pela instituição um café da tarde especial, onde kits de maquiagem e sessões de massagem foram oferecidos para todas.

“Foi uma tarde maravilhosa. Me senti amada, acolhida, valorizada”, disse uma vítima de violência doméstica, moradora do abrigo, que não quis se identificar.

Além do curso Autoconhecimento, o programa social pretende, futuramente, levar até essas mulheres cursos profissionalizantes, para que possam ter a oportunidade de obter uma renda extra.

Saiba mais sobre o Raabe

Desde novembro de 2011, o Raabe ampara mulheres vítimas de violência doméstica e abusos, oferecendo-lhes atendimento jurídico, social, emocional e espiritual. São realizados cursos e palestras que auxiliam no resgate e fortalecem a autoestima da mulher.

O grupo está presente em todos os estados brasileiros, nos Estados Unidos e em outros países da Europa e da América Latina.

Em 2018, 102 mil mulheres foram atendidas pelo programa social.

ler mais
Notícias relacionadas
Reportar erro

comentários

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Brigas de família levam mulheres a morar nas ruas

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Fake news

Você sabe de alguma notícia falsa que tem circulado na internet sobre a igreja Universal? Relate aqui o caso que iremos trazer toda a verdade no site Mitos e Verdades

Formulário de Denúncia

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach

Coordenadora de Conteúdo:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques, Rafaela Dias



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone:(11) 2392-3372

Endereço Rua João Boemer, 254 - Brás, São Paulo

Cep: 03018-000

Free WordPress Themes, Free Android Games