Ronald McDonald crucificado é exposto em Israel

Sutilmente os espíritos malignos zombam do maior evento ocorrido na humanidade


Por Daniel Cruz / Fotos: Reprodução

Em Israel, uma escultura do personagem Ronald McDonald crucificado provocou indignação em cristãos que vivem no país (foto abaixo).

O objeto foi colocado no Museu de Arte de Haifa e pertence à exposição “Sacred Goods” (“Bens sagrados”, na tradução livre do inglês).

A ideia com a mostra era fazer uma crítica ao consumismo da sociedade atual. Entretanto, a oposição acrescentou que a obra desrespeita um acontecimento extremamente importante para o cristianismo: o sacrifício do Senhor Jesus na cruz.

Como a prefeita de Haifa, Einat Kalisch-Rotem, e o museu demoraram para prestar algum esclarecimento, um grupo de manifestantes se posicionou em frente ao local, no dia 11 de janeiro último. O pedido era que o objeto fosse removido da exposição.

O caso chegou à ministra de Cultura de Israel, Miri Regev, que, nesse ínterim, solicitou a remoção da obra, por meio de uma carta, ao diretor do museu, Nissim Tal.

Contudo, a Associação pelo Direitos Civis de Israel interveio alegando que a ministra não poderia fazer aquilo sem base legal.

Após o impasse, a oposição e as autoridades de Haifa decidiram colocar uma placa na entrada da exposição dizendo que ali poderia haver um conteúdo ofensivo, segundo informações da agência de notícias AFP.

Leia também: “Obrigado, Satã”, grita ator ao ser premiado

O que significa a crucificação de Cristo?

Certa vez, o próprio Senhor Jesus falou que ninguém tem um amor maior do que aquele que dá a vida pelos amigos, referindo-Se ao sacrifício que Ele mesmo iria fazer pela humanidade (João 15.13).

Em um salmo profético, o rei Davi, quase mil anos antes, previu o momento da crucificação do Senhor Jesus:

“Pois Me rodearam cães; o ajuntamento de malfeitores Me cercou, traspassaram-Me as mãos e os pés. Poderia contar todos os Meus ossos; eles veem e Me contemplam. Repartem entre si as Minhas vestes, e lançam sortes sobre a Minha roupa.” Salmos 22.16-18

Sobre o sacrifício de Cristo, o apóstolo Paulo explica que era necessário. Pois, havia uma separação espiritual entre a humanidade e Deus.

“Porque assim como a morte veio por um homem, também a ressurreição dos mortos veio por um Homem. Porque, assim como todos morrem em Adão, assim também todos serão vivificados em Cristo.” 1 Coríntios 15.21-22

Então, foi necessário que o Senhor Jesus, que é membro da Trindade Celestial, oferecesse a Si mesmo em sacrifício por nós para que esse relacionamento entre criatura e Criador fosse restabelecido (Romanos 5.10).

Leia também: O que significa “combati o bom combate”?

O apóstolo Paulo ainda alerta que a vida terrena é limitada e todas as pessoas estão destinadas a morrer apenas uma vez. Depois disso, a alma irá para o Céu ou para o inferno (Hebreus 9.27-28).

Para compreender a importância da crucificação é necessário usar os olhos espirituais. Porque, esse evento serviu para nos livrar do sofrimento eterno no inferno, longe de Deus.

Sabendo disso, os demônios tentam a todo momento menosprezar esse evento, para que as pessoas não o valorizem. Porque o objetivo dos espíritos malignos é levar todas as pessoas para a condenação eterna.

Igualmente, todos os dias, eles têm semeado sutilmente entre as pessoas ideias contrárias à vontade Divina.

ler mais
Notícias relacionadas
Reportar erro

comentários

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Ronald McDonald crucificado é exposto em Israel

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Fake news

Você sabe de alguma notícia falsa que tem circulado na internet sobre a igreja Universal? Relate aqui o caso que iremos trazer toda a verdade no site Mitos e Verdades

Formulário de Denúncia

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach

Coordenadora de Conteúdo:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques, Rafaela Dias



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone:(11) 2392-3372

Endereço Rua João Boemer, 254 - Brás, São Paulo

Cep: 03018-000

Free WordPress Themes, Free Android Games