Como vencer as dúvidas?

Ter a certeza da resposta de Deus é fundamental para aqueles que colocaram suas vidas no Altar


Por Maiara Máximo / Foto: Fotolia, Mídia FJU/ Alagoas e Cedida

A todo momento, o mal tem bombardeado aqueles que são filhos de Deus, seja com dúvidas, seja com pensamentos contrários à fé, principalmente depois de uma campanha de fé, como a Fogueira Santa. E, caso você ainda não tenha passado por isso, em breve, vai passar. Não tem como fugir, mas é possível resistir. Para vencer os questionamentos é preciso permanecer firme na fé e confiante em Deus, como ocorreu com a empresária do ramo de festas e modelo Anayara de Souza Marques Gomes (foto abaixo), de 27 anos.

Ela chegou à Universal ainda na infância, mas se afastou da Igreja aos 15 anos, quando a mãe faleceu. Ela se lembra que um pouco antes do seu afastamento tinha prometido fazer o voto da Fogueira Santa, mas subiu no Altar sem entregá-lo e com uma carta para Deus dizendo que estava revoltada com a morte da mãe. “Eu não acreditava mais em Deus nem acreditava em mais nada.”

A dúvida
Naquele momento, Anayara duvidou de Deus e da sua própria fé. Os anos em que esteve na Igreja não foram suficientes para que ela realmente tivesse um encontro com Ele. Em busca de uma solução para os seus problemas, a jovem procurou ajuda em várias religiões, mas nada parecia resolvê-los. Ao contrário, as coisas só pioravam. Até que ela descobriu que estava com leucemia. Após uma tentativa de suicídio, a jovem procurou novamente a Universal.
Sua vida começou a mudar a partir do momento que ela passou a sacrificar no Altar. Ela foi curada da doença e, participando das campanhas da Fogueira Santa, foi conquistando bênçãos em todas as áreas. Mas o que ela queria mesmo era nascer de Deus e receber o Espírito Santo, pois sabia que somente isso a faria permanecer na fé. E foi o que aconteceu: ela teve seu encontro com Deus.

Anayara ainda lutava com Deus pelo irmão, Marcos de Souza da Cruz Junior, de 22 anos, que também havia se afastado da Igreja. Então, ela decidiu entregar no Altar, em um novo propósito da Fogueira Santa, o seu único sustento na época: seu salão de beleza. O pedido era que seu irmão voltasse para a Igreja.

Contudo, após ter feito o seu sacrifício, as dúvidas começaram a surgir. Depois de dois meses, o marido dela perdeu o emprego. “Ali, a dúvida bateu na porta do meu coração, mas, dessa vez, ao contrário da outra, eu quis fazer diferente”, lembrando do seu afastamento da Igreja durante outras Fogueiras Santas.

A força
Anayara afirma que o Espírito Santo lhe deu forças para lutar contra as dúvidas. “Fiz além do que Deus me pediu. Acordava às 3 horas da madrugada para orar, jejuava mais e buscava o Espírito Santo para que eu não errasse no Altar. Então, fui em frente. Mesmo que a situação mostrasse o contrário, eu via tudo com os olhos da fé e cria que Deus estava no controle. Isso me fez vencer as dúvidas que o diabo queria colocar em mim. Ali as armadilhas dele foram quebradas e hoje meu irmão está na Igreja firme e temos uma família abençoada. Para quem sacrificou um único salão, hoje tenho sete empresas.”

O Bispo Leandro Zangarini(foto a esq.), responsável pela Universal no Estado de Alagoas, fala qual é o segredo para permanecer confiante após uma campanha de fé. “A fé que usamos hoje para subir no Altar e entregar a nossa vida a Deus tem que ser a mesma fé ao descer do Altar. O livro de Gálatas, capítulo 6, versículo 9, ressalta bem isso: ‘e não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não houvermos desfalecido’. Essa é a condição para que a pessoa venha a colher o que ela plantou, que ela venha a receber diante da fé. Primeiro a pessoa não pode se cansar de fazer uso da fé, segundo, ela não pode desanimar.”

O Bispo ressalta que muitos confiam em Deus até chegarem ao Altar, mas esquecem que a Fogueira Santa continua depois dessa atitude, quando será o momento de colher o que foi plantado. “É preciso olhar para o Autor e Consumador da fé, pois Ele vai consumar sua atitude de fé no Altar. Nada que fazemos para Deus é em vão. A dúvida é a única coisa que pode anular o poder da fé.”

Então, leitor, se você entregou sua vida no Altar e tem consciência de que fez o que Deus lhe pediu, siga confiante, pois Deus não fica devendo nada a ninguém.

ler mais
Notícias relacionadas
Reportar erro

comentários

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Como vencer as dúvidas?

[recaptcha]

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Fake news

Você sabe de alguma notícia falsa que tem circulado na internet sobre a igreja Universal? Relate aqui o caso que iremos trazer toda a verdade no site Mitos e Verdades

Formulário de Denúncia

[recaptcha]

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach

Coordenadora de Conteúdo:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques, Rafaela Dias



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone:(11) 2392-3372

Endereço Rua João Boemer, 254 - Brás, São Paulo

Cep: 03018-000

Free WordPress Themes, Free Android Games