A sua fé tem sido pirata?


Por Camila Dantas / Fotos: Fotolia e Divulgação

Se a existência de Deus é verdadeira, então a existência de Suas promessas também é. Dessa forma, Deus tem que se manifestar na vida daqueles que creem nEle. Porém muitas pessoas têm crido na existência de Deus e, mesmo assim, não têm recebido Seu retorno. “O resultado da crença tem sido insignificante na vida de muitos justamente porque eles creem com base na fé emotiva”, destaca o bispo Edir Macedo em sua obra Fé Racional.

Ele traça a diferença entre a fé emotiva e a fé racional: “A fé emotiva, além de cegar o entendimento, oprime o cristão através do fanatismo religioso. Por outro lado, a fé inteligente é consciente e equilibrada e, por isso, não existe qualquer conflito com a razão.”

Ao ler a publicação, você descobrirá qual é o tipo de fé que você tem. Se for a fé sobrenatural, então você será uma criatura conquistadora das promessas divinas. Mas, se for a fé emotiva, o seu entendimento se abrirá a partir da leitura deste livro, para que você fuja das armadilhas do diabo.

Sentimento e fé
O Bispo mostra a situação comparando-a à de um cirurgião que, por ética, não pode operar um familiar, pois o amor fraternal ou o pesar pode interferir na sua capacidade técnica. “Os sentimentos humanos, como pena, pesar e amor, do ponto de vista humano, neutralizam a fé sobrenatural e enfraquecem os cristãos na guerra diária contra Satanás.”

Os sentimentos tornam o ser humano impotente diante de suas lutas e é nesses momentos que os filhos das trevas levam vantagens sobre os filhos da luz. “O bem só vence o mal quando a pessoa despreza os sentimentos”, completa o autor.

O Bispo Macedo explica que o mal se aproveita da fraqueza dos sentimentos humanos para impor sua ação. Mas “quanto maior o estreitamento com Deus, maior o grau de fé. A fé em Deus vem pelo ouvir a Sua Palavra, a qual traz benefícios através da Sua prática. Se você confessa estar sentindo isso ou aquilo no coração, na verdade, você está expressando apenas sentimentos de natureza humana.”

A fé pirata
A pessoa hipócrita carrega uma fé emotiva comparada a um objeto pirata, usado uma ou duas vezes e jogado fora. “Assim é a fé hipócrita. Muitos até conseguem viver com esse tipo de fé, porém, por ela não ter qualidade, não pode ser sustentada por muito tempo.”

O Bispo ainda enfatiza que muitos cristãos estão com suas vidas fracassadas por não praticarem a fé genuína. “Deste modo, não conseguem converter ninguém porque vivem uma fé de sentimento, que nada tem a ver com Deus.”

ler mais
Notícias relacionadas
Reportar erro

comentários

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

A sua fé tem sido pirata?

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Fake news

Você sabe de alguma notícia falsa que tem circulado na internet sobre a igreja Universal? Relate aqui o caso que iremos trazer toda a verdade no site Mitos e Verdades

Formulário de Denúncia

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Expediente

Editora Executiva:

Coordenadora de Conteúdo:

Repórteres:



E-mail para Contato:

Telefone:

Endereço

Cep:

Free WordPress Themes, Free Android Games