Evento “Aprenda a Dizer Não” reúne milhares de jovens na África do Sul

A ação aconteceu simultaneamente em todo o país. Veja galeria de imagens


Por Michele Roza / Fotos: Cedidas

Recentemente, em alusão ao Dia Internacional da Criança Africana (que rememora o dia 16 de junho de 1976 quando milhares de estudantes, em protesto contra o regime de segregação racial na África do Sul, o “Aphartheid”, morreram lutando por seus direitos), o grupo Força Jovem Universal do país realizou o grande evento “Aprenda a Dizer Não” (“Learn to Say No”, em inglês).

A ação reuniu mais de 23 mil jovens em 20 locais simultaneamente, em todo o país, incluindo o pátio externo do templo da Universal do Soweto, em Johannesburg. Com o objetivo principal de motivar e ensinar aos jovens que eles podem dizer “não” a todo o tipo de opressão que têm sofrido no mundo atual, como vícios, abusos, violência, bullying, depressão e problemas familiares.

Responsável pelo trabalho da Universal na África do Sul, o Bispo Marcelo Pires participou do evento e abriu a cerimônia orando pelos jovens de todo o país e dando uma palavra de força e fé. “Mesmo que ninguém acredite em você ou esteja ao seu lado para te ajudar, nós estamos aqui para mostrar que existe um caminho, uma esperança e você vai vencer”, afirmou.

O Bispo estava acompanhado de sua esposa Marcia Pires, que também aproveitou a ocasião e falou sobre a importância de entregar a vida a Deus e dizer “não” ao que não é bom, encorajando os jovens a mudarem de vida. Veja galeria de fotos do evento ao final desta matéria.

Eles venceram traumas e vícios

Além da ajuda e participação de cerca de 1850 voluntários dos projetos Uniforça, Mídia e Cultura, e das diversas apresentações de dança, canto, teatro, o evento ainda contou com os testemunhos de jovens que venceram traumas e vícios e contaram suas histórias a todos os presentes.

O estudante e voluntário do Força Jovem Sizwe Malinga (à esquerda, na foto abaixo), de 24 anos, contou como superou o vício em drogas. “Eu comecei a usar drogas quando era ainda muito novo. Os ‘amigos’ me apresentaram àquelas substâncias e eu, para não ficar de fora da turma, acabei me envolvendo mais e mais. Roubei para sustentar meu vício. Mas, ao conhecer o trabalho do grupo jovem, eu consegui me libertar das drogas e mudei de vida. Hoje sou livre.”

A recepcionista Joy Mmakgosi Maluleko (à direita, na foto acima), de 21 anos, voluntária do Força Jovem, contou sobre o vício em pornografia. “Cheguei ao ponto de assistir horas e horas para só depois conseguir dormir. Não tinha mais domínio. Toda minha vida social foi comprometida. Eu não ia bem na escola e não tinha mais relacionamentos saudáveis. Contudo, quando conheci o grupo, recebi ajuda até a pornografia não fazer mais parte da minha vida. Hoje eu tenho paz.”

O poder da decisão na vida do jovem

O Pastor Maicon Henrique Teixeira, coordenador do trabalho do FJU na África do Sul, fez um grande clamor pelos jovens e encorajou a todos dizerem não às opressões do nosso mundo atual. “Eles precisam ter o poder de decisão em suas mãos e apenas Deus pode ajuda-los nessa empreitada”, comentou.

Ele ainda explicou o que seriam as opressões sofridas hoje em dia, e usando o exemplo dos jovens que se sacrificaram em 1976, pois, não aceitaram serem subjugados, disse que hoje não devemos aceitar que as drogas e o bullying, por exemplo, oprimam a vida de uma pessoa.

A estudante Gaopalelwe Mpale Sekete (foto acima), de 23 anos, falou sobre como foi importante para ela participar do evento. “Sou privilegiada. Todas as apresentações me inspiraram e me tocaram, mas acima de tudo, os testemunhos que ouvi. É evidente que, por meio de Deus, tudo é possível e podemos ser melhores. A única coisa que precisamos fazer é tomar a decisão certa. Precisamos nos abrir e vencer o passado, não deixar a mágoa nem o orgulho crescer dentro de nós. Existe sempre uma solução em Deus, precisamos dizer não ao que nos oprimi”, concluiu.

Ao final do evento, muitos jovens decidiram se entregar para Jesus, mudar sua história e para marcar esse momento se batizaram nas águas.

Você já conhece o trabalho do grupo Força Jovem Universal no Brasil e em países do mundo tudo? Interessou-se em ser um voluntário? Clique aqui e encontre o endereço de uma Universal mais próxima de sua casa e saiba mais informações sobre o grupo com o pastor e/ou com o coordenador do grupo jovem na sua região.

Gostou do texto? Então, não deixe de compartilhar esta e também outras matérias com familiares e amigos nas redes sociais.

ler mais
Notícias relacionadas
Reportar erro

comentários

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Evento “Aprenda a Dizer Não” reúne milhares de jovens na África do Sul

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Fake news

Você sabe de alguma notícia falsa que tem circulado na internet sobre a igreja Universal? Relate aqui o caso que iremos trazer toda a verdade no site Mitos e Verdades

Formulário de Denúncia

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach

Coordenadora de Conteúdo:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques, Rafaela Dias



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone:(11) 2392-3372

Endereço Rua João Boemer, 254 - Brás, São Paulo

Cep: 03018-000

Free WordPress Themes, Free Android Games